Fale Conosco

8 de junho de 2013

Festa do Leite discute recuperação da pecuária na Paraíba



Os criadores do Vale do Piancó estão confiantes de que, com as chuvas ocorridas na região nos últimos três meses, vai ser possível recuperar o rebanho que foi reduzido durante a estiagem. Essa confiança foi demonstrada durante a 7ª edição da Festa do Leite do Vale do Piancó, que acontece no Parque de Exposição Elzir Matos, na cidade de Piancó, no Sertão, até este domingo (9).

O evento foi aberto, na sexta-feira (7), e reuniu criadores de toda a região, inclusive de outros Estados, na iniciativa da Associação dos Produtores de Leite do Município de Piancó, com apoio do Governo da Paraíba, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Agropecuário e da Pesca e da Emater, prefeitura municipal e Câmara de Dirigentes Lojista de Piancó. A Festa conta com a participação da Defesa Sanitária Estadual no controle de acesso dos animais às dependências do parque de exposição, permitindo somente a entrada ou saída de animais com a documentação de zoosanitário.

Na ocasião, foram assinados contratos de custeio para agricultores familiares elaborados pelo escritório local da Emater e aprovados pelo Banco do Nordeste, informou o presidente da empresa, Geovanni Medeiros. A participação da Emater no evento tem por finalidade avaliar propriedades rurais para fins de elaboração de projetos, selecionar produtores rurais interessados em proposta de crédito de financiamento, elaborar projetos com o objetivo de aquisião de animais bovinos de boa genética para melhoramento do rebanho e proceder o atendimento aos agricultores durante o evento em diversas atividades.

O presidente da Associação dos Produtores de Leite do Município de Piancó, Dejanes Fábio Rodrigues, lembrou que a finalidade da Festa do Leite é dar oportunidade às discussões que podem contriubuir para a recuperação dos rebanhos bovino e caprino.

Para o chefe da Unidade Operativa da Emater, em Piancó, Antônio Ferreira, a chegada das chuvas possibilitou a formação de pastos e já é visível a mudança do quadro dos animais. Os programas de distribuição de ração, de raquetes de palma resistente à cochonilha e de aquisição de leite, estão ajudando os criadores a fazerem investimentos na renovação dos rebanhos. “Nota-se que muitos agricultores estão mudando de atividade agrícola para a pecuária e a realização da Festa do Leite ajuda nesse processo”, afirmou.

Durante o sábado e domingo acontece o torneio leiteiro. São animais de linhagem selecionada das raças Girolando, Holandês Gir, Pardo Suiço, Sindi, e caprinos, ovinos e equinos que estarão ofertados para comercialização.

A Emater Paraíba participa do evento com um estande onde estão expostos produtos da agricultura familiar, procedentes de agricultores assessorados pelos extensionistas rurais. O presidente da Emater, Geovanni Medeiros destacou a importância da realização de uma exposição desse porte na região que tem vocação para a pecuária.

A Festa do Leite quer despertar a vocação para a empresa rural, proporcionar maior aproximação entre selecionadores, criadores e produtores rurais para a troca de informações, com a possiblidade de negócio de compra e venda. Também quer estimular o comércio e a indústria, a exposição e demonstração de seus produtos e equipamentos destinados à agropecuária. Tudo isso visando o fortalecimento da pecuária leiteira do Vale do Piancó, através de orientações técnicas.

“O evento tem por finalidade incentivar e promover a pecuária regional e estadual, e incrementar o consumo de leite e seus derivados. Promover  reuniões de técnicos e criadores objetivando maior difusão de conhecimento e aperfeiçoiamento de métodos destinados ao aumento de produção e produtividade de rebanho leiteiro”, observou Dejanes.

Criada no dia 26 de março de 2004 por um grupo de pequenos produtores de leite que desejavam agregar valor ao produto, que antes não era valorizado e vendido a preço irrisório de R$ 0,20 centavos. Uma década depois são perceptíveis os avanços e conquistas, a começar pelo preço do leite que é de R$ 1,10.  Com a criação da Associação, vieram novas tecnologias, melhoria genética e conhecimento técnico e maior amparo aos produtores de leite de Piancó e região, com pontos recebimento de leite em Piancó, Santana dos Garrotes e Nova Olinda.

Estiveram presentes à abertura da Festa do Leite, o secretário de Estado do Desenvolvimento Agropecuário e da Pesca, Marenilson Batista; Antonio Hibernom, superintendente substituto do Ministério da Agricultura na Paraíba, Sales Dantas, secretário executivo da Pesca; Rubens Tadeu de Araújo Nóbrega, gerente executivo da Defesa Agropecuária; Benélio Araújo, gerente executivo do Abastecimento, Roméria Pereira, coordenadora regional da Emater no Vale do Piancó, o prefeito de Piancó, Sales Lima, entre outras autoridades.