Fale Conosco

17 de novembro de 2014

Feira de Tecnologia de Campina Grande começa nesta quinta-feira com inovações



Após um intervalo de 16 anos, a Feira de Tecnologia de Campina Grande (Fetech) volta a ser realizada. Exposição de produtos, invenções e pesquisas desenvolvidas por especialistas de várias cidades brasileiras podem ser vistas pelo público a partir de quinta-feira (20) até domingo (23), na casa de shows Spazzio. Durante os quatro dias de feira, serão apresentadas soluções tecnológicas e inovadoras em diferentes segmentos.

Na Feira de Tecnologia, serão apresentadas inovações nos segmentos de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC), energia, automotivo, saúde, educação, petróleo e gás, construção civil e biocombustíveis.

O evento já foi consolidado, nacionalmente, como uma exposição anual de ciência e tecnologia. Nela, há mostra de produtos, invenções e pesquisas desenvolvidas em Campina Grande e outras cidades brasileiras. A Fetech é uma feira realizada em conjunto pelo Governo do Estado, Fundação PaqTcPB, Sebrae e Prefeitura de Campina Grande.

Inscrições – De acordo com a coordenação do evento, o acesso do público para visitação de estandes é gratuito e começa de fato a partir de 21 até 23 de novembro, das 16h às 22h. Para isso, o interessado deve fazer antes a inscrição pelo endereço eletrônico www.fetech.org.br, ou mesmo pessoalmente, na recepção da feira. O procedimento tem o objetivo de manter um controle maior de público.

As palestras também serão gratuitas e quem quiser ter acesso precisa apenas chegar no horário estipulado pela programação. O limite de vagas é equivalente à capacidade do auditório onde será feita a exposição do tema escolhido pelo visitante.

Abertura – A solenidade da abertura oficial da Fetech será na quinta-feira (20), às 18h30. De acordo com a organização do evento, só a partir desse horário é que os portões serão liberados para o público.

Benefícios – Durante os anos em que foi realizada, a Fetech provocou a terceirização e introdução de pequenas empresas no mercado de Campina Grande. Com a vinda de pessoas de outras cidades e regiões para participar e prestigiar a Feira de Tecnologia, houve uma movimentação da economia local devido ao aquecimento da indústria hoteleira e da procura por serviços voltados ao turista.