Fale Conosco

25 de março de 2014

FAC participa de plenárias do Orçamento Democrático em Cajazeiras e Sousa



Orçamento Democrático Cajazeiras e Souza 7 270x202 - FAC participa de plenárias do Orçamento Democrático em Cajazeiras e SousaA Fundação de Ação Comunitária (FAC) integrou a comitiva do secretariado do Governo do Estado na primeira audiência pública do ciclo 2014 do Orçamento Democrático Estadual, realizadas nos municípios de Cajazeiras (9ª Região Geoadministrativa) e na cidade de Sousa (10ª).

Orçamento Democrático Cajazeiras e Souza 22 270x202 - FAC participa de plenárias do Orçamento Democrático em Cajazeiras e Sousa

A ação foi criada para a população ter a oportunidade de apresentar diretamente ao governador as necessidades de suas respectivas regiões e reivindicar seus direitos de cidadania. Com este intuito, a FAC e a Fundação do Desenvolvimento da Criança e do Adolescente Alice de Almeida (Fundac) formalizaram a liberação de um imóvel para a Secretaria de Segurança e de Defesa Social instalar a sede da nova Delegacia da Mulher em Cajazeiras.

Orçamento Democrático Cajazeiras e Souza 15 270x202 - FAC participa de plenárias do Orçamento Democrático em Cajazeiras e SousaEm Sousa, a população também foi beneficiada com a regularização fundiária de 59 famílias que ocupavam terrenos do Loteamento Santarém, no Conjunto Augusto Braga (Mutirão). A ação foi empenhada com o apoio da Companhia Estadual de Habitação Popular (Cehap), que concedeu o termo de cessão de direito real de uso aos ocupantes que já estavam de posse dos terrenos desde o ano de 2010, mas não possuíam documento que garantissem os reais direitos.

Orçamento Democrático Cajazeiras e Souza 16 270x202 - FAC participa de plenárias do Orçamento Democrático em Cajazeiras e SousaPara o presidente da Fundação de Ação Comunitária, Flávio Moreira, as plenárias do Orçamento Democrático são de extrema importância para melhorar a qualidade de vida da população de cada região. “São elas quem fazem toda diferença para a melhoria e inovação de uma Paraíba que só tem avançado nestes últimos anos, implantando um modelo em que o governante e seus auxiliares anualmente prestam contas e escutam as reivindicações da população”, observou o presidente.