João Pessoa
Feed de Notícias

Evento sugere concursos para assessorias de imprensa e relações públicas em instituições

sexta-feira, 20 de novembro de 2009 - 20:09 - Fotos: 

Criação de um Conselho Federal de Jornalismo, mudanças nas leis que regem as propagandas e abertura de concursos para preenchimento de cargos de assessoria de imprensa e relações públicas em instituições, como Polícia Militar e Corpo de Bombeiros. Estas foram algumas propostas discutidas na tarde de sexta-feira (20) durante a 1ª Conferência Estadual de Comunicação da Paraíba (Confecom).

Com o tema ‘Comunicação: meios para a construção de direitos e de cidadania na era digital’, o evento foi convocado pelo Governo do Estado, através da Secretaria de Comunicação Institucional (Secom). Ele prossegue até as 17h deste sábado (21) e ocorre no auditório da Federação das Indústrias da Paraíba (Fiep), no Centro de João Pessoa.

Diálogo – Além de profissionais da mídia, vários representantes de entidades da sociedade civil e do poder público também participam do encontro. “O governo convocou a conferência com o objetivo de dialogar com a sociedade e discutir propostas que podem melhorar a informação que faz parte da nossa vida. Por isso, convidamos vários movimentos sociais para participar das discussões”, explica o coordenador do evento, Arimatéia de França.

As propostas debatidas na Confecom foram previamente aprovadas em outras três conferências municipais, que ocorreram este ano nas cidades de João Pessoa e de Campina Grande. As sugestões abordam os mais variados temas. Vão desde as questões legais para a atuação dos profissionais e das empresas de comunicação até a criação de incentivos fiscais para veículos que incentivarem a cultura e combaterem a discriminação.

Metas – As propostas aprovadas na Confecom Estadual seguem para a Conferência Nacional de Comunicação, a ocorrer entre os dias 14 e 17 de dezembro próximo, em Brasília (DF). Lá, os temas serão novamente discutidos, formulados e votados. Ao final do encontro, as sugestões são encaminhadas aos órgãos responsáveis para análise. “A nossa meta é que as propostas incentivem mudanças nas leis e possam entrar em vigor. Aqui, na Paraíba, o próprio governador, José Maranhão, já afirmou que o Estado irá aproveitar o máximo das sugestões viáveis”, acrescentou Arimatéia de França.

Para o presidente do Sindicato dos Jornalistas da Paraíba, Land Seixas, a conferência é uma oportunidade de discussão que fortalece o trabalho dos profissionais da mídia e melhora também a qualidade dos meios de comunicação. “Com esse encontro, temos a chance de discutir assuntos que trarão benefícios para profissionais e sociedade”, observou.  

Além de votar as propostas para a Conferência Nacional de Comunicação, em Brasília, a Confecom Estadual tem ainda o objetivo de eleger os delegados que irão representar a Paraíba naquele encontro.

Nathielle Ferreira, da Secom-PB