Fale Conosco

4 de maio de 2009

Evento movimenta turismo e gera ocupação e renda em Pombal



Considerado um dos maiores eventos do Sertão paraibano, o Pombal Fest chega na sua 8ª edição. O evento acontece nos dias 17,18 e 19 de julho, num percurso que passa pela BR-230 e BR-427 e segue até a Vila Pina, uma estrutura especialmente montada para shows.

Segundo o presidente do Bloco Pina, o maior do Sertão, Franco Vieira, o evento se transformou num marco para o desenvolvimento do turismo em Pombal, contribuindo para o incremento da economia local. Ele informou que a cidade, antes do evento, só dispunha de dois hotéis. Hoje, entre hotéis e pousadas, Pombal já soma seis estabelecimentos, sem contar o aumento de bares e restaurantes.

“Este ano estamos recebendo um apoio importante do Governo do Estado, principalmente na divulgação do evento e a expectativa é que o número de turistas seja triplicado na cidade, com a ocupação de todos os hotéis e pousadas e também das inúmeras residências que são disponibilizadas para aluguel, durante o Pombal Fest”, previu.

Franco acrescentou que, durante o evento, Pombal recebe turistas de diversos Estados brasileiros, especialmente de Brasília, Recife e Natal. Também participam do evento, pessoas vindas de João Pessoa, Campina Grande e Caicó (RN), e também vindas de todas as cidades sertanejas. Ele lembrou, ainda, que outro setor da economia local bastante beneficiado com o evento é o dos ambulantes. “Já temos mais de 200 vendedores ambulantes cadastrados”, revelou.

Com relação ao Bloco Pina, Franco Vieira disse que a venda de abadás está alcançando um recorde de vendas e a expectativa é de uma participação, por dia, acima de seis mil participantes no cordão, durante o percurso e 10 mil na área interna da Vila Pina.

O bloco este ano terá como atrações, no primeiro dia, a Banda Eva (no trio elétrico) e Cavaleiro do Forró (no palco da Vila Pina); no segundo dia, Picirico (no trio) e Capim Cubano (na Vila Pina); e no terceiro dia, Banda Ala Ursa (no trio) e Forró dos Plays (na Vila Pina).