João Pessoa
Feed de Notícias

Evento discute na Empasa desperdício de produtos e a implantação de política de segurança alimentar

quinta-feira, 15 de outubro de 2009 - 16:13 - Fotos: 
Para assegurar o direito à alimentação a toda população paraibana e combater o desperdício de gêneros os mais diversos, representantes de instituições que lidam com as atividades nessa área estão reunidos no auditório da Empresa Paraibana de Abastecimento e Serviços Agrícolas (Empasa) no bairro do Cristo Redentor, em João Pessoa, buscando discutir estratégias de implantação de uma política de segurança alimentar.

Dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) revelam que 18% dos paraibanos (ou 630 mil pessoas) não conseguem ter acesso a três refeições diárias. Por isso, uma das metas do evento – que integra a programação da 2ª Semana Paraibana de Alimentação – é definir estratégias para viabilizar a instalação de bancos de alimentos na Capital, Campina Grande e Patos, até 2010.
    
A apresentação do Grupo Folclórico do Sesc abriu o segundo dia de palestras da 2ª Semana da Alimentação, cujo tema central é ‘Segurança alimentar em época de crise’ e que faz parte das comemorações ao ‘Dia Mundial da Alimentação’, que será comemorado nesta sexta-feira (16).
    
Combate ao desperdício – O presidente do Conselho de Segurança Alimentar na Paraíba (Consea-PB), Marçal Cavalcanti, o objetivo do evento é promover uma discussão para a coleta de subsídios, buscando a formulação e implementação para a política de abastecimento e segurança alimentar no Estado da Paraíba.
    
“A meta é viabilizar até 2010 bancos de alimentos em João Pessoa, Campina Grande e Patos, que vão servir de instrumentos para facilitar o acesso das famílias de baixa renda aos alimentos, que normalmente são desperdiçados nas Centrais de Abastecimento do Estado”, afirmou. Segundo Marçal Cavalcanti, não existem números oficiais de alimentos desperdiçados nas Centrais de Abastecimento da Paraíba .
    
Benefícios – Experiências de instituições como o Serviço Social do Comércio (Sesc), Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac) e a Empasa foram apresentadas durante o evento. Com o Programa da Sopa da Empasa, por exemplo, cerca de duas mil pessoas são beneficiadas em João Pessoa e Campina Grande. Na Capital, o programa, que existe desde 2002, atende 17 comunidades. 80 quilos de verduras e legumes são doados por mês pelos comerciantes que trabalham na Central de Abastecimento. Já os cereais e carnes são comprados pelo órgão. Segundo a nutricionista Walkyria de Fátima Medeiros, o projeto além de uma responsabilidade social, busca a capacitação dessas pessoas por meio de cursos profissionalizantes.
 
A 2ª Semana Paraibana de Alimentação é promovida pela Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO), Governo do Estado através da Empasa e Consea. As palestras continuam nesta sexta-feira e começam a partir das 8h30 da manhã. As atividades em comemoração ao ‘Dia Mundial da Alimentação’ serão encerradas nesta sexta-feira (16), às 13h30, com a apresentação de grupos folclóricos. Mais informações sobre a programação da 2ª Semana Paraíba da Alimentação no site da Empasa (www.empasa.pb.gov.br).

Adriana Saito, da Assessoria de Imprensa da Empasa