Fale Conosco

5 de dezembro de 2012

Evento discute gestão de museus em Campina Grande



O projeto Conexões Ibram chega à Paraíba para promover um debate sobre as novas políticas e os instrumentos de gestão para os museus brasileiros. O evento acontece em Campina Grande, a partir desta quarta-feira (5). Na solenidade de abertura, o secretário de Estado da Cultura, Chico César, vai assinar um acordo de cooperação técnica com vistas a estimular uma maior parceria com o Ibram e planejamento para criação do Sistema Estadual de Museus.

O evento segue até sexta-feira (7), no Museu Assis Chateubriand (MAC), ligado à Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) e inaugurado em junho deste ano. O Museu chama a atenção pelo projeto arquitetônico, construído em uma uma área de 1.500 m².

Promovido pelo Instituto Brasileiro de Museus (Ibram/MinC), juntamente com a Secretaria de Estado da Cultura da Paraíba, o Conexões Ibram Paraíba tratará dos temas: Sistemas e Redes de Informação – Programa iMuseus, Estatuto de Museus e novos instrumentos de gestão, Gestão de Riscos ao Patrimônio Musealizado Brasileiro, Programa Pontos de Memória e Estratégias de Fomento e Financiamento aos Museus.

Projeto – Desde março de 2012, o Ibram percorre todos os Estados do país conectando museus brasileiros às novas políticas e instrumentos de gestão museais. O Instituto leva diversos temas como Estratégias de Fomento e Financiamento, Estatuto de Museus, Plano Nacional Setorial de Museus, entre outros, para serem discutidos diretamente com os representantes do setor cultural dos estados e com seus cidadãos.

Cada Estado tem a oportunidade de ajustar o evento de acordo com suas necessidades específicas a partir do modelo sugerido pelo Ibram e que prevê a realização de dois dias de reunião aberta sobre os temas. Além das apresentações abertas ao público, o Conexões Ibram propõe reuniões técnicas com o intuito de concretizar planos de trabalho para inserir os museus do Brasil nas inovações em políticas públicas museais promovidas pelo Ibram.

Segundo a publicação Museus em Números, a Paraíba dispõe de 63 museus mapeados, sendo que 22 deles estão na capital do Estado. As tipologias de acervo mais encontradas são Artes Visuais (71,4%), História (64,3%) e Imagem e Som (57,1%).

A programação completa do evento na Paraíba e outras informações sobre o projeto Conexões Ibram podem ser vistas no endereço eletrônico http://conexoesibram.museus.gov.br/?p=1186.