João Pessoa
Feed de Notícias

Estado imunizou 36,29% dos idosos e 61% das pessoas em relação a H1N1, até o momento

terça-feira, 11 de maio de 2010 - 17:33 - Fotos: 
Faltam apenas 10 dias para o término das campanhas de vacinação contra a gripe pandêmica H1N1, para os grupos prioritários, e contra a influenza comum, para os idosos. Até a manhã desta terça-feira (11), a Paraíba havia imunizado 148.821 idosos (36,29% da população estimada de 410.140 mil), ficando em primeiro lugar na cobertura vacinal entre os Estados do Nordeste. Com relação a H1N1 já foram imunizados 1.054.708 paraibanos (61% da população estimada em 1.750.172). Mais de 950 mil pessoas ainda não se vacinaram e só têm até o próximo dia 21 para procurar uma das 1.007 unidades de saúde, em todo o Estado.  

Em segundo lugar no Nordeste em cobertura vacinal de idosos contra a gripe comum está o Estado do Piauí, com 28,75%, e, em terceiro, a Bahia, com 23,30%. Ano passado, a Paraíba superou a meta, imunizando 352.619 idosos, o equivalente a 85,98% da população-alvo. Mesmo a Paraíba estando em uma posição favorável com a relação à gripe comum, o coordenador de Imunização da Secretaria de Estado da Saúde (SES), Walter Albuquerque, a todas as pessoas que ainda não se vacinaram. “Os postos estão abastecidos com os dois imunizantes e o tempo está acabando”, alertou.

Ele afirmou que o grupo mais difícil de vacinar são as pessoas na faixa etária de 30 a 39 anos que são dispersas, estão na fase produtiva e não têm tempo de tomar a vacina durante a semana. “O dia ‘D’, no último sábado, serviu para intensificar a campanha, como também atingir esse grupo de pessoas que no sábado geralmente está de folga”, explicou. Já as pessoas de 20 a 29 anos, segundo Walter Albuquerque, é um grupo mais concentrado que pode ser encontrado facilmente nas universidades e, por isso, algumas secretarias municipais de saúde estão indo a esses locais para vacinar esse grupo.

H1N1 – Na estratégia de vacinação contra a gripe pandêmica H1N1, a Paraíba já atingiu 100% de cobertura vacinal dos doentes crônicos, dos trabalhadores da saúde, e das crianças menores de dois anos, superando a meta do Ministério da Saúde para esses três grupos, que era vacinar, pelo menos, 80% da população. Com relação aos outros grupos, já foram imunizados 98% dos indígenas; 70% das gestantes; 61% dos adultos na faixa etária de 20 a 29 anos e 45% das pessoas de 30 a 39 anos.

Da Assessoria de Imprensa da SES/PB