Fale Conosco

14 de julho de 2011

Estado e Prefeitura de Sousa discutem transição para funcionamento de Hospital Materno Infantil



O Governo do Estado e a Prefeitura de Sousa pretendem colocar em funcionamento nas próximas semanas o Hospital Materno Infantil. O assunto foi discutido em reunião na Secretaria de Saúde do Estado entre o chefe da Casa Civil, Lindolfo Pires, o assessor da Secretaria Estadual de Saúde, Murilo Wanzeler, e o secretário de Saúde de Sousa, Gilberto Sarmento.

A maternidade tem capacidade para 280 atendimentos mensais, entre partos e atendimentos pediátricos. A unidade de saúde vai contar com 20 obstetras, 16 médicos pediátricos e berçários.

“Antes, os partos e atendimentos pediátricos eram realizados no Hospital Regional. Com a maternidade, o Hospital Regional ganhará 12 leitos, que antes eram ocupados por procedimentos de partos e agora serão ocupados para a realização de cirurgias eletivas e os leitos de psiquiatria”, explica o secretário Lindolfo Pires.

Segundo o secretário municipal de Saúde, Gilberto Sarmento, foram investidos R$ 1,5 milhão em equipamentos e instalações. Para a coordenadora administrativa, Renata Soares, com o Hospital Materno Infantil em funcionamento, as gestantes e crianças terão atendimento de qualidade: “É importante conscientizar as mães a optarem por partos normais”, ressalta a coordenadora.

A reunião foi realizada na Ses e contou também com a presença da coordenada administrativa da maternidade, Renata Soares, a diretora geral do Hospital Regional de Sousa, Cláudia Sarmento Gadelha, e Selda Gomes, gerente executiva de Planejamento da Secretaria de Estado da Saúde.

Uma nova reunião com os profissionais que serão transferidos para a maternidade, aconteceu nesta quinta-feira (14), em Sousa.