João Pessoa
Feed de Notícias

Governo do Estado e Fida discutem investimentos para o Cariri e Seridó

terça-feira, 25 de setembro de 2012 - 08:52 - Fotos:  Alberi Pontes/Secom-PB

O governador Ricardo Coutinho recebeu na segunda-feira (24), na Granja Santana, o representante do Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola (Fida) no Brasil, Hardi Michel Wulf, e o consultor da entidade, Luis Eduardo Castelo.  No encontro, foram tratados os passos finais para a assinatura do Procase, projeto que vai garantir ações de inclusão social e produtiva nas regiões do Cariri e Seridó.

O convênio, que será assinado entre o Governo do Estado e Fida, prevê investimentos de US$ 25 milhões, mais contrapartida do Estado, que deverão beneficiar mais de 14 mil famílias em 55 municípios que integram as regiões do Cariri e Seridó.  O financiamento do Fida já foi aprovado pelo Senado Federal, em julho desde ano, e está em fase de finalização com o envio, nos próximos dias, da documentação necessária para a diretoria do Fida em Roma, na Itália.   

O representante do Fida no Brasil, Hardi Michel Wulf, avaliou que a reunião foi bastante produtiva e espera que o convênio com o Estado da Paraíba seja assinado nas próximas semanas. Ele destacou que esse é um momento propício para iniciar financiamento de projetos de desenvolvimento local para as famílias de agricultores, diante da seca que atinge os pequenos produtores das regiões do Cariri e do Seridó.

Hardi destacou o potencial da Paraíba para o desenvolvimento das cadeias produtivas da caprinocultura, fruticultura, o sisal, o artesanato e em áreas não agrícolas como a pequena mineração. Ele explicou que o Procase será dividido em três fases: a primeira será a capacitação, treinamento e assistência técnica; a segunda a organizativa para formação de associações e cooperativas e na terceira a agregação de valor aos produtos com implantação de plantas de produção.

O governador Ricardo Coutinho destacou a importância do programa para financiamento de equipamentos para as cooperativas de mineração, para a construção de uma fábrica de leite de cabra em pó e unidades de beneficiamento de frutas que vão ajudar no desenvolvimento local. Ele acrescentou que o convênio com o Fida vem a se somar a outros programas já adotados no Estado como o Cooperar e o Empreender PB que ajudarão a Paraíba a dar um salto importante no desenvolvimento da economia em áreas carentes.

De acordo com o secretário de Desenvolvimento da Agropecuária e da Pesca, Marenilson Batista, o projeto consolida o desenvolvimento da agricultura de forma sustentável com a inclusão produtiva na base primária. “São projetos que ajudarão o desenvolvimento de economias, garantindo o desenvolvimento da agricultura e a diminuição da pobreza rural.

O Fida é uma organização das Nações Unidas (ONU), sediada em Roma, Itália, tal como a Organização das Nações Unidas para a Agricultura e Alimentação (FAO) e o Programa Alimentar Mundial (PAM).Desde que iniciou suas operações, em 1978, o Fida investiu U$$ 11,5 bilhões em 838 projetos e programas realizados em 117 países e territórios, beneficiando uma população de cerca de 350 milhões de pessoas no mundo rural.