João Pessoa
Feed de Notícias

Estado atrai de novos investimentos para geração de energia termo solar

terça-feira, 2 de fevereiro de 2010 - 12:47 - Fotos: 

“Em pouco tempo nós conseguimos recuperar a confiança do empresariado tanto paraibano, como de outros estados da federação e até do exterior na capacidade empreendedora do povo paraibano e é por isso que nós conseguimos atrair tantas empresas que vão gerar emprego, que vão modificar o cenário econômico da Paraíba”. A comemoração sobre a atração de novos investimentos no Estado foi feita pelo governador José Maranhão, na manhã desta terça-feira (02) em rede estadual de rádio, no programa “Palavra do Governador”.
 
Maranhão anunciou que, em recente audiência com o ministro Edson Lobão, das Minas e Energia, foi discutida a instalação, aqui na Paraíba, de um projeto piloto para geração de energia termo solar.  Em menos de quinze dias, o ministro respondeu positivamente e atendeu o apelo do governador da Paraíba e vai instalar em parceria, um projeto piloto. “Então nós vamos ter dois empreendimentos: uma iniciativa da área econômica e uma iniciativa da área tecnológica científica”, destacou. Esta última, da área científica e tecnológica vai ter uma repercussão muito forte na Paraíba, na Universidade Federal da Paraíba que tem realmente um know how muito grande, tem estudos muito interessantes sobre a geração de energia solar e agora com esse projeto piloto existe a possibilidade de dar um passo à frente e ingressar na modernidade, que é a chamada energia termo solar.

Geração de empregos

O segundo projeto de energia termo solar que o governador se referiu no programa de rádio é o empreendimento da empresa Enerbrax Projetos e Participações S.A., fruto de um protocolo de intenções assinado com o Governo do Estado há quinze dias. A Paraíba será o primeiro Estado brasileiro beneficiado com a instalação de uma usina de energia elétrica termo solar. Vão ser gerados 1.500 novos empregos diretos e indiretos no município de Coremas, Sertão paraibano, com a construção da Usina Termo Solar de Coremas com capacidade de geração de 50 MW de energia elétrica. O investimento da Enerbrax é da ordem de R$ 440 milhões e vai gerar cerca de dois mil empregos na construção de sua unidade. Quando estiver em funcionamento serão gerados entre 350 e 500 empregos.

Josélio Carneiro, da Secom-PB