João Pessoa
Feed de Notícias

Espep vai otimizar qualidade dos cursos oferecidos aos servidores

terça-feira, 18 de janeiro de 2011 - 10:03 - Fotos: 
Transformar a Espep numa escola realmente capaz de qualificar os servidores públicos do Estado para a prestação de bons serviços à sociedade paraibana. Este é o objetivo do novo superintendente da Escola de Serviço Público do Estado da Paraíba, professor André Luiz de Sousa Felisberto. O superintendente afirmou que vai promover uma série de visitas às secretarias e órgãos das administrações direta e indireta do Estado, para identificar, na base, as demandas de cada setor da administração estadual para, a partir daí, definir quais os cursos que devem ser oferecidos pela Espep.

“A Espep foi criada em 1966 com o objetivo de promover a capacitação de Recursos Humanos do Estado. Sua finalidade principal é oferecer à administração pública as condições necessárias para uma prestação de serviços compatíveis com suas novas exigências. Acontece que, ao longo da história desta instituição, a maioria dos cursos aqui oferecidos está relacionada ao nível básico, notadamente na área de informática. E isso tem que ser mudado com urgência”, comenta André Luiz.

Segundo ele, direcionando os conteúdos programáticos para as reais necessidades de todos os setores da administração, a escola vai oferecer não somente as condições para uma melhor prestação de serviços à sociedade, mas também garantir aos servidores/estudantes um nível de desenvolvimento pessoal e profissional mais efetivo e capaz de lhes garantir melhores condições de vida, até mesmo depois da aposentadoria. “Dotados de conhecimentos científicos relacionados à sua área de atividade, estes servidores terão melhores oportunidades nos planos funcional, pessoal e familiar, uma vez que passarão a dispor de aptidão intelectual para exercer outras atividades remuneradas, melhorando assim seus níveis de qualidade de vida”.

Cumprindo a determinação do governador Ricardo Coutinho no sentido da melhor gestão dos recursos públicos, com menores gastos e maior e melhor qualidade dos serviços prestados à população, André Luiz disse que vai verificar a viabilidade da Espep se tornar Certificadora Oficial dos Cursos de Especialização ali oferecidos. Na estrutura atual, para oferecer cursos de Pós-Graduação, a Espep depende de outras instituições de nível superior, fato que acaba tornando o processo bem mais caro e difícil.

“Vamos buscar na legalidade da lei uma forma da Espep certificar, oficialmente, cursos de Especialização. Se houver meios para isso, estaremos viabilizando, além do barateamento do processo, a oferta de cursos em maior quantidade e ainda uma melhor qualidade de ensino”, observa, acrescentando que o objetivo central da atual gestão é fazer com que a sociedade sinta os efeitos positivos da qualificação profissional oferecida pela escola aos servidores estaduais.

Cursos – Cursos como “Gestão de Crise”, “Planejamento Estratégico”, “Administração de Recursos Humanos”, “Administração Financeira” e “Compreensão do Plano de Governo”, serão priorizados pela escola nesses próximos anos da atual administração do Estado. “Se todos os gestores públicos que integram os quadros funcionais do Estado participarem de algum tipo de capacitação, não tenha dúvida de que vai melhorar e muito a gestão da coisa pública e a própria prestação de serviços à sociedade”, enfatiza o superintendente.