João Pessoa
Feed de Notícias

Espaço Cultural inaugura escola especial de música e reabre lutheria

quinta-feira, 24 de setembro de 2009 - 09:08 - Fotos: 

Inclusão Social através da arte e da cultura. É com esta proposta que o presidente da Fundação Espaço Cultural da Paraíba (Funesc), Maurício Burity, inaugura nesta sexta-feira (25), às 10 horas, no Mezanino 2 do Espaço Cultural José Lins do Rego, em João Pessoa (PB), dois espaços importantes para o desenvolvimento social e artístico de crianças e jovens carentes e/ou portadores de necessidades especiais.

Um é a Escola Especial de Música Juarez Johnson, talvez a única no país com a proposta de ensinar, tanto a crianças carentes, quanto portadoras de necessidades especiais, teoria e prática musical. “O mais comum são trabalhos de musicoterapia com portadores de necessidades especiais. No nosso caso, trata-se uma escola de música mesmo, que irá ensinar essas crianças a tocar um instrumento, como violino ou piano”, esclarece a coordenadora do projeto, a professora e violoncelista Patrícia Johnson.

A Escola Especial de Música irá matricular crianças na faixa etária de 1 a 11 anos. Crianças com síndrome de down, paralisia cerebral, nanismo, autismo, deficiência visual, dislexia, hidrocefalia e paraplegia serão ensinadas por músicos, fisioterapeutas e fonoaudiólogos a conhecer e tocar um instrumento musical através de aulas práticas e teóricas.

A outra é a Oficina-escola de Lutheria Professora Isabel Burity. Depois de 15 anos, a oficina-escola volta a fabricar instrumentos musicais – com especialidade em música erudita – e a ministrar cursos para assistentes de luthier, gratuitos a alunos da rede pública de ensino.

Desde a semana passada, a Funesc inscreve para oficina de capacitação para assistente de luthier. As inscrições estão sendo feitas na Divisão de Cursos da Funesc, localizada na rampa 1 do Espaço Cultural, das 13h às 18h (de segunda a quinta-feira) e de 8h às 13h (na sexta-feira). Para se inscrever, o candidato tem que ser aluno de escola pública, ter de 17 a 24 anos e possuir alguma experiência com manuseio da madeira.
 
A lutheria é uma fábrica artesanal de instrumentos musicais. É uma das poucas do Brasil, e uma das únicas a trabalhar com instrumentos de música erudita.

Parede Poética

Paralelo às inaugurações, haverá a abertura do projeto ‘Parede Poética’ no Mezanino 2 do Espaço Cultural na manhã desta sexta-feira. Parceria do Serviço Social do Comércio (Sesc), coma Funesc, através de sua Coordenação de Literatura, o projeto exibe textos de consagrados autores paraibanos.

Intitulada ‘Esboços e Emoções, a mostra reúne 21 textos de autores do calibre de Braulio Tavares, Juca Pontes, Águia Mendes, Vitória Lima, Antonio Mariano, Jessier Quirino e Sônia Van Djick, entre outros, sob a curadoria do escritor Políbio Alves.
Os trabalhos ficarão expostos até 25 de outubro.

Assessoria de Imprensa da Funesc