Fale Conosco

20 de agosto de 2013

Encontro reúne contadores de histórias da Paraíba de 26 a 28 de agosto



A Fundação Casa de José Américo, órgão vinculado à Secretaria de Estado da Cultura e que coordena na Paraíba o Programa de Incentivo à Leitura – Proler, em parceria com o Ministério da Cultura/Fundação Biblioteca Nacional, realiza de 26 a 28 de agosto o Encontro Paraibano de Contadores de Histórias, juntamente com a Pró-Reitoria de Extensão e Assuntos Comunitários e do Núcleo de Pesquisas em Culturas Populares da Universidade Federal da Paraíba e a Secretaria de Estado da Educação.

O evento tem como objetivos reunir professores e mediadores de leitura para aproximá-los do universo da contação de histórias, além de socializar novas experiências e técnicas na área, promovendo a sensibilização entre os participantes para a prática da leitura.

A realização do encontro é uma ação do Proler que, na Paraíba, tem sede e coordenação na Fundação Casa de José Américo. O evento foi possível por meio de gestões mantidas entre a coordenadora do Proler, professora Janete Rodriguez; o presidente da Fundação Casa de José Américo, Flávio Sátiro Filho; o pró-reitor  de Extensão e Assuntos Comunitários da Universidade Federal da Paraíba, Orlando Villar Filho; a gerente executiva de Educação Infantil e Ensino Fundamental da Secretaria de Estado da Educação, Aparecida Uchôa, a bibliotecária Marilia Guedes Pereira, a contadora de histórias Maria Magdalena Rocha Araújo e a crítica literária e acadêmica Neide Medeiros Santos.

As oficinas do encontro serão ministradas por contadores de história renomados como César Obeid (O barbante e a rima), Maria Magdalena Rocha Araújo (Contação de histórias na escola fundamental – uma perspectiva de ensino), Heráclito Cardoso de Oliveira (A objetividade dos objetos: procedimentos criativos para contar histórias), Albanita Guerra (Quase “extintos” – livros em papel craft), Júlio César Iglesias (O contador de histórias e os brinquedos), Neide Medeiros (Do conto de fadas à literatura de cordel), Maria José França (A contação de histórias e as várias técnicas de contá-las) e Marilia Guedes Pereira (A biblioterapia: uma técnica de aconselhamento).

Com mais de 200 inscrições realizadas, o encontro conta com o apoio do Ministério da Cultura/ Fundação Biblioteca Nacional, Sebrae-PB, Secretaria de Educação de Santa Rita, Secretaria de Cultura e de Educação de Cabedelo, FNLIJ-Fundação Nacional do Livro Infanto Juvenil e ocorrerá no auditório da Reitoria da UFPB, Campus I, em João Pessoa.

Confira a programação do encontro:

Dia 26 - Abertura

8h- Entrega de credenciais

9h- Apresentação do grupo Amigos do Choro, da Escola de Música Toque de Vida – Vicente Nóbrega

10h- Apresentação do poeta Marco di Aurélio – A força da palavra

14h- Palestra de Abertura – Motivando com rimas – César Obeid

16h- A importância do NUPPO no resgate de “histórias” contadas na Paraíba – Beliza Auréa

Dia 27

8h às 9h30 – Oficinas

9h45 às 11h30 – Oficinas

14h às 15h45 – Oficinas

16h às 17h30 – Oficinas

Dia 28

8h30 às 11h30 – Encerramento com apresentação da produção realizada nas Oficinas. Avaliação Geral.