Fale Conosco

2 de junho de 2016

Encontro Paraibano de Homens Trans começa nesta sexta-feira em João Pessoa



“Visibilidade e Enfrentamento a Transfobia” são os temas de destaque do I Encontro Paraibano de Homens Trans, que acontece desta sexta-feira (3) até domingo (5), no Centro de Atividades e Lazer Padre Juarez Benício (Cejube), no bairro Colinas do Sul, em João Pessoa.

O evento é uma parceria entre o Governo do Estado e o Coletivo de Homens Trans da Paraíba (Petris). Segundo o representante do Petris, João Crispim, o grupo foi criado em 2015 e já reúne mais de 70 homens trans na Paraíba. O nome do grupo é em homenagem a Pedrinho (homem trans), assassinado há dois anos, vítima de transfobia. “Vamos celebrar a criação do grupo e dar visibilidade aos homens trans e seus desafios na sociedade, como por exemplo, a criação de mais políticas públicas e despatologização da transexualidade”, explica João Crispim.

A identidade de gênero homem trans é referente às pessoas que nasceram biologicamente com sexo feminino, mas se identificam como homens. O Governo do Estado oferece serviços para atendimento dessa população, como o Centro de Referência Estadual de LGBT (Espaço LGBT) e o ambulatório de Saúde Integral para Travestis e Transexuais, no Hospital Clementino Fraga. Os serviços cuidam da saúde de forma integral, com médicos especialistas, psicólogos, assistência social, endocrinologistas e ambulatorial.

A secretária da Mulher e da Diversidade Humana, Gilberta Soares, participará da abertura do encontro, às 19h, junto com o representante do Instituto Brasileiro de Transmasculinidades, Tarso Benício e entidades do Movimento LGBT. O evento tem apoio também da Funad, Secretaria de Estado da Mulher e da Diversidade Humana e Espaço LGBT.

Outras informações sobre o evento pode ser obtidas no Petris, através do telefone 98874-3026.