Fale Conosco

24 de setembro de 2012

Empreender-PB realiza mais de 150 cadastros na Feira do Empreendedor



O Empreender Paraíba cadastrou 153 pessoas nos quatro dias de participação na Feira do Empreendedor, encerrada no sábado (22). Cerca de 400 visitantes foram até o estande para esclarecer dúvidas e receber orientações sobre linhas de financiamento. Aproximadamente 100 pessoas participaram das palestras do Programa, realizadas no evento promovido pelo Sebrae.

O aposentado Josué Batista aproveitou a oportunidade para receber orientações sobre crédito. Ele é artesão e quer investir no negócio que desenvolve com a esposa há quatro anos. Josué produz móveis em miniatura, ela decora os pequenos espaços onde os objetos são expostos. O artesão encontrou no ofício uma maneira de continuar ativo.

Josué faz mesas, cadeiras, camas, armários e todo tipo de móveis para casinhas de brinquedo ou decoração. O talento só foi descoberto depois da aposentadoria, através de cursos. A dedicação motivou Josué a continuar produzindo e ter planos para o futuro. “Quero comprar maquinários para aperfeiçoar o meu trabalho, melhorar a qualidade. Nesse sentido, a orientação que recebi aqui foi fundamental”, destaca.

Palestra – A palestra do professor, consultor e pesquisador paulista Clóvis de Barros Filho encerrou a programação de capacitação da Feira com o tema “A vida que vale a pena se vivida”. O professor abordou várias reflexões filosóficas sobre conceitos pré-estabelecidos pela sociedade sobre felicidade, medo, alegria, trabalho e realização pessoal.

Clóvis de Barros pontuou questões essenciais para a sobrevivência de um empreendimento, como a confiança. “A confiança é um valor importantíssimo para os negócios, mas a ela é cega, não enxerga nada, só acredita que vai dar certo. A desconfiança é necessária para ver onde precisa melhorar, no entanto, se todos desconfiarem ao mesmo tempo, o negócio quebra”, ponderou o consultor.

Empreender PB – Na abertura da Feira do Empreendedor o Governo do Estado, parceiro do evento, através do Programa Empreender Paraíba realizou a liberação de R$ 700 mil reais em crédito para empreendedores da região metropolitana de João Pessoa. A Cooperativa de Pesca de Cabedelo e os pescadores artesanais receberam R$400 mil em investimentos para reativar as atividades de pesca oceânica e melhorias de trabalho. Os municípios de Santa Rita, Bayeux, Lucena e Conde também foram contemplados com empréstimos concedidos pelas linhas do Empreender Mulher, Individual e Artesão.

Segundo o secretário executivo do Empreender-PB, Jadson Xavier a Feira vai gerar resultados positivos para o mercado paraibano. “A Feira do Empreendedor ofereceu diversas oportunidades de gerar novos negócios e fazer intercâmbio dos empreendedores com novos modelos apresentados no evento. Esse é o momento de apostar nas inovações de mercado para a Paraíba”, declarou o Secretário.

O Empreender Paraíba já atendeu cerca de três mil operações de crédito, beneficiando uma média de nove mil pessoas no estado. Reativou cinco cadeias produtivas e já atingiu 70 municípios. O valor total de crédito concedido a empreendedores paraibanos, até o momento, chega a R$22 milhões, segundo o gestor.

O Programa pode ser acionado por qualquer pessoa que pretenda iniciar ou modernizar o comércio que possui, e trabalha com as linhas de crédito Individual, Coletivo, Artesão e Empreender Mulher. Os interessados devem acessar o site www.empreender.pb.gov.br para fazer a inscrição e ingressar no processo.