João Pessoa
Feed de Notícias

Empreender-PB já liberou cerca de R$2 milhões para Campina Grande

quinta-feira, 11 de outubro de 2012 - 12:19 - Fotos:  Francisco França/Secom-PB

Mais investimentos e estímulo aos empreendedores de Campina Grande. A cidade, que completa 148 anos de fundação nesta quinta (11), já recebeu cerca de R$2 milhões pelas linhas Individual, Coletivo e Artesão do Programa Empreender-PB. Os recursos beneficiaram aproximadamente 500 empreendedores.

Cidade da mesorregião do agreste paraibano, Campina Grande está localizada a 112 quilômetros da Capital. O município é considerado um dos principais polos industriais da região Nordeste e o maior polo tecnológico da América Latina, segundo a revista americana Newsweek. 

Investimentos – Os recursos atenderam empreendedores, que na maioria dos casos, se encontravam em situação de urgência. Um deles foi a Cooperativa de Produção de Papel da Paraíba (Coopapel), cujo empréstimo foi aprovado com a liberação de R$ 500 mil. O valor foi designado para a reabertura da fábrica fechada em março do ano passado, após 50 anos de funcionamento, deixando mais de 200 desempregados.

Com o crédito do Programa do Governo do Estado, o apoio do Sebrae e da Organização das Cooperativas Brasileiras, os cooperados arrendaram o prédio, com todos os equipamentos, e restabeleceram a empresa gerando ainda mais emprego. “No início, éramos apenas 48 pessoas, hoje já somos 204 trabalhadores”, disse o presidente da Cooperativa, Ricardo de Oliveira.

A empresa trabalha com a fabricação de papel higiênico a partir da reciclagem. Uma média de um milhão de toneladas de aparas de papel, fornecidas por fábricas da Paraíba, Pernambuco e Ceará, chegam por mês na cooperativa. “Produzimos papel de alta qualidade, com um preço bastante reduzido para o consumidor. Além do benefício ambiental que oferecemos, recolhendo o que seria descartado, estamos ofertando emprego e renda ao pessoal que certamente estaria desempregado agora”, ressaltou Ricardo.

Outro negócio fortalecido pelo Empreender-PB é o Polo Calçadista de Campina, que através do Programa recebeu empréstimo de R$ 500 mil para a compra de matéria-prima e capital de giro. Alexandre Alves Montenegro, dono de uma das fábricas de calçados, disse que eles passavam por muitas dificuldades para trabalhar antes do crédito.

“A gente dependia do pagamento dos compradores de Pernambuco para continuar trabalhando e isso atrasava o serviço. Hoje trabalhamos de segunda a sexta sem parar e isso melhora nossa produção”, destacou Alexandre. Depois do benefício, os fabricantes estão se organizando para formar cooperativa e adquirir ainda mais força como Polo Calçadista da cidade.

Incêndio – Além da Coopapel e dos fabricantes de calçados, outros grupos de comerciantes foram atendidos pelo Programa. O polo dos marceneiros de Catingueira recebeu R$ 63 mil em crédito para ajudar os comerciantes depois de um incêndio, que prejudicou cinco pontos de confecção e conserto de móveis em Campina.

“O incêndio destruiu cinco boxes e em dois houve perda total. O pessoal do Empreender nos visitou, viu nossa realidade e nos ajudou. O meu ponto não foi tão danificado e eu consegui com a reforma continuar ali, mas os que perderam tudo tiveram que alugar outro local. Agora, todos nós já estamos trabalhando”, disse Evandro Freitas da Silva, marceneiro há 20 anos.

Os 18 feirantes do Mercado Central que sofreram as consequências de um incêndio, ocorrido em novembro de 2011, conseguiram a liberação de R$ 184 mil, ainda antes do final daquele mês. O Estado também já liberou cerca de R$ 240 mil para centenas de outros empreendedores através da linha de crédito do Empreender Individual e Artesão de Campina Grande.

Leite – Segundo o gestor do Empreender Paraíba, Jadson Xavier, o Programa também está investindo R$ 500 mil na Cooperativa de Leite Cariri, que deve realizar a implantação de uma unidade de produção de sucos. “O Empreender já reativou cinco cadeias produtivas em todo o Estado. Chegamos a mais de 73 municípios e até o final deste ano queremos alcançar 130, no firme propósito de contribuir ativamente para o desenvolvimento da Paraíba”, disse. O valor total de crédito concedido até agora já chega a R$ 23 milhões de reais e deve fechar o ano em R$ 30 milhões.

As pessoas interessadas em conhecer o Programa podem entrar em contato pelo telefone (83) 3218-4428, pelas redes sociais Fan Page ‘Empreender Paraíba’ e o twitter ‘@EmpreenderPB’ ou se inscrever pelo site www.empreender.pb.gov.br.