Fale Conosco

14 de março de 2016

Empasa realiza Dia D de combate ao mosquito Aedes aegypti nesta terça-feira



A diretoria da Empresa Paraibana de Abastecimento e Serviços Agrícolas (Empasa) vai mobilizar todos os servidores, nesta terça-feira (15), a partir das 8h, em um mutirão de limpeza para o combate ao mosquito Aedes aegypti. O tema da ação é “Empasa unida no combate ao mosquito” e envolve a Secretaria de Estado da Saúde, por meio da Gerência Executiva de Vigilância e Saúde, o Centro de Zoonose de João Pessoa, todos os departamentos do órgão estadual e as associações dos servidores e dos comerciantes/permissionários.

A iniciativa faz parte dos esforços do Governo do Estado por meio das secretarias e órgãos vinculados no combate ao mosquito. A própria Empasa já começou o plano de ação capinando o mato existente na área interna do entreposto da capital, na identificação de possíveis focos do mosquito e na intensificação na periodicidade da limpeza nas galerias de águas pluviais. No dia D, os técnicos do Centro de Zoonose usarão metodologia de roda de conversa, sendo que os agentes ambientais farão as batidas de foco, palestra com telão e carro de som. Já a Gerência de Vigilância e Saúde participará com material educativo (panfletos e cartazes) com informações para os comerciantes/permissionários e consumidores.

O diretor de operações da Empasa, Tavinho Santos, comandante da ação, informou que a empresa pretende fazer sua parte e espera que os comerciantes entendam e façam a deles. “Com isso, todos sairão ganhando porque o problema é sério. Até que todos tenham a conscientização de tampar os tonéis e caixas-d`água, manter as calhas limpas, deixar garrafas viradas, colocar areia nos vasos de plantas, retirar água dos pneus e manter as lixeiras bem fechadas, leva um certo tempo. Mas com esse trabalho de choque vamos ter um grande avanço no combate, não deixando o mosquito nascer”, revelou Tavinho.

Ele lembrou que as doenças causadas pelo mosquito, como a dengue, zika e chikungunya, são graves e podem matar. Os entrepostos de Campina Grande e Patos também entrarão na agenda para ações localizadas.