Fale Conosco

4 de abril de 2012

Empasa pôs à venda dez toneladas de peixe a preço subsidiado



A Empresa Paraibana de Abastecimento e Serviços Agrícolas (Empasa) vendeu à população dez toneladas de peixe a preços subsidiados. Durante as sextas-feiras de março, tilápias, carpas e tambaquis cultivados em unidade de produção de alevinos do Governo foram comercializados ao preço de R$ 5,60 o quilo e se esgotaram na manhã desta quarta-feira (4).

O estoque de peixes foi comercializado em João Pessoa, Campina Grande, Patos e Itaporanga pelo programa “Peixe para a Semana Santa”. A produção é proveniente do arranjo produtivo de piscicultura intensiva de tanques-rede da Empasa instalados no açude público estadual Cachoeira dos Alves, próximo à Estação de Piscicultura de Itaporanga, que tem o apoio financeiro do Fundo de Combate e Erradicação da Pobreza na Paraíba (Funcep-PB).

“As expectativas foram superadas. No próximo ano, vamos dobrar a oferta, pois a piscicultura é um dos programas que estão dando certo na gestão deste Governo”, disse o presidente da Empasa, José Tavares.

Alevinos – Sobre o programa de piscicultura, Tavares acrescenta que, este ano, milhões de alevinos estão sendo distribuídos em cerca de 1,5 mil reservatórios públicos e privados espalhados nos 223 municípios paraibanos. “O objetivo do Governo é estruturar toda a cadeia produtiva do pescado e incentivar a criação de tilápia, carpa e tambaqui”, disse.

A Empasa tem estação de piscicultura em Itaporanga e berçários de alevinos nos municípios de Riachão de Araruna, Patos, Sousa e Santa Luzia. “Para se cadastrar e receber os filhotes das espécies cultivadas, o agricultor que tem reservatório de água em suas terras e deseja cultivar peixes, precisa procurar os entrepostos do órgão público e preencher uma ficha para posterior avaliação dos nossos técnicos”, explicou.