João Pessoa
Feed de Notícias

Empasa distribui cerca de 40 mil alevinos na Feira de Exposições

quinta-feira, 26 de novembro de 2009 - 15:04 - Fotos: 
Peixes das espécies tilápia e carpa chamam a atenção de quem chega a unidade demonstrativa de Piscicultura da Empresa Paraibana de Abastecimento e Serviços Agrícolas (Empasa) montada na Feira de Exposições ‘Paraíba Agronegócios 2009’, Centro de Exposição e Eventos "Hewnriq    ue Vieira de Melo", no bairro do Cristo Redentor, em João Pessoa.

Cerca de 40 mil alevinos foram distribuídos até agora para pequenos produtores rurais e associações comunitárias. A previsão é que até o final da feira sejam entregues mais 60 mil, totalizando cem mil alevinos.

Era tudo que Edmilson da Silva Nascimento queria. Há dois anos, o produtor resolveu investir na Piscicultura. Ele começou com pequeno tanque, com capacidade para trezentos alevinos. Hoje, o espaço ganhou outros dois com capacidade para 600 peixes cada um. Objetivo agora, segundo ele, é expandir o negócio. “O lucro é de 70% com um custo pequeno. Foram dois anos ganhando experiência, agora pretendo vender o que eu produzir”, afirma.

Na unidade o público também pode comprar peixe vivo da espécie tilápia ao preço de R$5 reais o quilo. O comerciante Luis Carlos da Silva, que visitava a feira, não resistiu e comprou. “O preço está muito bom. Cinco reais o quilo? Vou levar para experimentar. Depois volto para comprar novamente”; disse.

Segundo o comerciante Renato Ponciano, esta sexta-feira tem mais novidades para os consumidores que forem comprar o pescado. “Na compra acima de trinta reais em peixe, a área de comercialização vai dar aos dez primeiros compradores um kit de frutas”, ressalta.
Frutas, verduras e legumes, que são vendidos na central de abastecimento de João Pessoa também são expostos no stand montado pela Empasa.

A participação na feira já é considerada um sucesso, segundo o Chefe do Departamento de Piscicultura da Empasa. Celso Duarte afirma que o objetivo é popularizar o consumo de peixe de água doce na grande João Pessoa e incentivar produtores a investirem nesta cultura.

Adriana Saito, Assessoria da Empasa