João Pessoa
Feed de Notícias

Emater reúne mulheres agricultoras para debate sobre conquistas sociais

terça-feira, 22 de setembro de 2009 - 14:03 - Fotos: 
Uma avaliação das ações da agricultora, sua contribuição para melhorar a qualidade de vida das famílias, além de propostas visando criar uma consciência cidadã foram os principais focos do 1º Encontro das Mulheres da Emater, que se realiza no Sindicato dos Servidores da Empresa Estadual de Assistência Técnica e Extensão Rural da Paraíba, com 250 participantes de diferentes atividades ligadas ao meio rural em 22 municípios.

Na abertura do evento, a secretária do Desenvolvimento Humano (SEDH), Giucélia Figueiredo, lembrou a decisão do governador José Maranhão de estabelecer políticas públicas sociais para as mulheres, inclusive criando uma secretaria para tratar especificamente do assunto, o que pode ser visto como um avanço.

“A ação governamental somente será concretiza com a união e a mobilização de todos. É preciso que nós, mulheres, tenhamos consciência de que somente unidas poderemos trabalhar pela melhoria da qualidade de vida, com um conjunto de ações”, afirmou a secretária. Para ela, o que o governo vem fazendo e se propõe avançar, se concretiza com a unidade dos gestos das pessoas envolvidas no processo, principalmente as mulheres.

Sobre o seminário, a secretária do Desenvolvimento Humano avaliou como um evento que vai marcar a história de luta das mulheres agricultoras paraibanas, num processo estimulado pelo órgão de extensão rural. “A Emater tem uma legitimação junto ao meio rural, de mobilização e organização da cadeia produtiva”, comentou.

Espaços consolidados – O presidente da Emater-PB, Hermano Araújo, acredita que o evento é mais um passo que as mulheres agricultoras da Paraíba estão dando no sentido de concretizar seus espaços, mesmo já presentes nas áreas de produção agrícola e artesanato, entre outras atividades. “A extensão rural já fez muito pelos produtores do campo, incluindo-se aí as mulheres, e vai continuar fazendo muito mais por reconhecer os benefícios que vêm do meio agrícola”, destacou.

Ele destacou as políticas públicas voltadas ao homem do campo, executadas pelo Programa de Agricultura Familiar. “As mulheres já conquistaram muitos espaços e podem avançar ainda mais”, comentou.

Acesso – Uma das organizadoras do evento, Kayla Deininger, disse que o 1° Encontro das Mulheres da Emater sinaliza um novo tempo e deve facilitar o acesso delas às políticas sociais oferecidas pelo governo. Ela entende ser um momento para que tomassem conhecimento acerca de um conjunto de ações de fortalecimento da independência de cada uma.

“Tudo leva a criar ambiente onde possam melhorar a geração de empregos e de renda, criar uma nova consciência cidadã nas mulheres como protagonistas deste processo”, analisou.

José Nunes, com fotos da Walter Rafael, da Secom-PB