João Pessoa
Feed de Notícias

Emater reforça trabalho de combate à mosca negra dos citros

quarta-feira, 17 de fevereiro de 2010 - 18:33 - Fotos: 

A Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural da Paraíba (Emater-PB) reforça o trabalho do Governo do Estado no combate à praga da mosca negra dos citros disponibilizando 36 engenheiros agrônomos do seu quadro técnico para atuar nos 15 municípios atingidos pela praga.

Os engenheiros participam do I Curso de Certificação Fitossanitária de Origem e a Certificação Fitossanitária de Origem Consolidado (CFO/CFOC) – Pragas Quarentenárias da Citricultura, realizado pela Secretaria de Desenvolvimento da Agropecuária e da Pesca (Sedap) que acontece nesta quinta-feira (18) e sexta-feira (19), no Colégio Marista em Lagoa Seca, região administrativa de Campina Grande.

Com o curso, segundo o presidente da Emater-PB, Hermano Araújo, os engenheiros estarão habilitados a obter a Certificação Fitossanitária de Origem (CFO/CFOC) de vegetais hospedeiros da Praga Quarentenária A2: Aleurocanthus woglumi (mosca negra dos citros), além de prescrever receituários agronômicos para a aplicação de defensivos.

Afora os engenheiros da Emater-PB, devem participar do curso engenheiros agrônomos autônomos. Uma vez capacitados, esses profissionais, de acordo com o secretário da Sedap Ruy Bezerra Cavalcanti, terão condições de monitorar uma fazenda para expedir ao produtor um certificado, atestando que o produto que está sendo destinado à comercialização não seja originado de uma área infestada.

A Emater-PB, conforme seu diretor técnico, Afonso Cartaxo, está envidando todos os esforços a fim de combater a praga da mosca negra do citros. Na sua opinião, se ela não for controlada com rapidez vai arrasar a citricultura paraibana. Ele informou que a praga é devastadora. “Uma única fêmea põe mais de 100 ovos de uma única vez, isso pode explicar seu alto grau de propagação”.

O curso será ministrado pelos técnicos: Edson Batista Lopes, Pesquisador da Embrapa/Emepa, Adriana Araújo Costa Truta – Fiscal Federal Agropecuário/Mapa/SFA/PB, Raimundo Nonato Lopes de Sousa – Gerente de Fiscalização do CREA/PB, Luiz Carlos de Sá Barros – Gerente Operacional de Defesa Vegetal – Sedap/PB e Josileide Cabral Santiago – Fiscal Estadual Agropecuário -Sedap/PB.

Dentro do calendário de ações do Governo do Estado de controle à mosca negra do citros estão agendadas reuniões com lideranças políticas, secretários de agricultura e prefeitos de todos os municípios infestados pela praga. As primeiras acontecem entre os dias 22 e 26 nos municípios de Matinhas, Lagoa Seca e Esperança.

 
Da Assessoria de Imprensa da Emater-PB