Fale Conosco

7 de março de 2013

Emater discute parceria com prefeitura de Campina para fortalecer agricultura familiar



Os programas e políticas públicas voltadas para a agricultura familiar foram discutidos durante reunião entre a Emater Paraíba e a prefeitura de Campina Grande. O coordenador do escritório regional da Emater local, José Sales Junior, e o secretário da Agricultura do município, Guilherme Almeida, se reuniram nesta quinta-feira (7), na sede do escritório da empresa. O encontro teve também a presença do diretor de Agricultura em Campina Grande, Robson Oliveira, e o assessor de Agroecologia da Emater, agrônomo Verneck Abrantes de Sousa.

Entre os assuntos discutidos estavam crédito rural de Pronaf, Programa de Distribuição de Palma Resistente a Cochonilha do Carmim, Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE), Garantia Safra, comercialização de produtos agrícolas em feiras e Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), distribuição de sementes, Programa do Leite r agendas de eventos da agricultura.

No encontro, foram firmados compromissos como o encaminhamento de uma justificativa para a Secretaria Municipal de Educação na perspectiva de adiar os editais do PNAE para o segundo semestre de 2013, para que a produção agrícola seja normalizada; a busca de parcerias na produção e distribuição de mudas de árvores; levantamento do número de poços existentes no município que se encontram desativados no município, além da realização de um trabalho piloto com a produção de algodão agroecológico/orgânico.

A Emater tem presença marcante no município de Campina Grande, num trabalho que visa o fortalecimento da agricultura familiar com inclusão produtiva, com ações de fomento de crédito rural. Trinta e sete agricultores comercializam seus produtos ao PNAE para a rede estadual e municipal de ensino, com recursos da ordem de R$ 320.391,80. Quanto às chamadas públicas de assistência técnica, foram beneficiadas 559 famílias, com 35 reuniões coletivas e a realização de 180 diagnósticos rurais e mais 540 visitas às famílias.

Com relação ao Programa Brasil Sem Miséria, são atendidas 35 famílias no município, com recursos da ordem de R$ 84.000,00. Em Campina Grande, o Garantia Safra teve 3.766 agricultores familiares com inscrições homologadas entre 2011/2012, e 1.419 produtores foram beneficiados com o Programa Bolsa Estiagem. No município ocorrem três feiras agropecuárias, que têm 80 tipos de produtos da agricultura familiar, com a participação de 90 famílias e uma comercialização de 80 toneladas, gerando uma renda mensal de R$ 80.000,00.