João Pessoa
Feed de Notícias

Emater apoia e orienta projeto de produção de caju em Tacima

sexta-feira, 5 de julho de 2013 - 16:34 - Fotos:  Secom-PB

A produção de caju destinado à industrialização e venda no mercado aberto está sendo ampliada no município de Tacima com a instalação de três Unidades Técnicas de Demonstração (UTDs), beneficiando agricultores familiares. A iniciativa é do Governo do Estado, por meio da Emater Paraíba, que tem o apoio do Ministério da Agricultura, Emepa, da Prefeitura Municipal e do Senar/Faepa.

O Projeto de Cajucultura começa a se concretizar com a implantação das UTDs nas comunidades Vazante e Boa Esperança. Na quinta-feira (4), os extensionistas da Emater deram início à implantação do projeto, em visita às comunidades e assessorando os agricultores. Serão quatro hectares nas propriedades rurais integrantes do projeto. As famílias beneficiadas são Maria das Dores, Oziel Fernandes, Givaldo Gomes e Suzení Sousa. Ao final, serão contemplados 29 agricultores familiares.

O extensionista da Emater de Tacima, Bilac Soares, responsável pelo acompanhamento do projeto, que está inserido na região administrativa de Solânea, informou que os agricultores vão trabalhar já sabendo que contam com mercado para sua produção. Duas cooperativas de produção de polpas de frutas existentes na região já se comprometeram em adquirir o produto, além deles também comercializar nas feiras livres.

Na semana passada ocorreu a primeira reunião, na Câmara de Vereadores, com a participação da Emater, Prefeitura de Tacima e Superintendência Estadual do Ministério da Agricultura, quando foi discutida a implantação do Projeto de Cajucultura no segmento da agricultura familiar no município. Na pauta da reunião, houve apresentação e discussão sobre a implantação do Projeto Piloto de Cajucultura.

Estiveram presentes neste encontro, o prefeito Erivan Bezerra, os secretários municipais Hermes Ferreira (Agricultura, Pecuária e Meio Ambiente), Marcos Soares (Administração, Finanças e Planejamento), o extensionista local da Emater Bilac Soares, o representante estadual da Emater Pedro Paulo Bezerra da Silva, o vereador Manoel Avelino, os agricultores Suzení Sousa, Maria das Dores e Osiel Lima, além dos representantes do Senar/Faepa Sérgio Ricardo e Domingos Lelis.

Na visita para marcar o início da execução do projeto, foram realizados cadastros socioeconômicos e ambiental dos agricultores, além do georeferenciamento das áreas, distribuição das mudas e orientações de técnicas de plantio e de espaçamentos. Bilac informou que o projeto será expandido gradativamente e, ao final, serão contemplados 29 agricultores familiares. A cajucultura é uma atividade bastante rentável financeiramente, e atualmente é a principal cultura permanente do município de Tacima-PB.