João Pessoa
Feed de Notícias

Secretaria de Educação inicia ação emergencial em escolas

sábado, 9 de abril de 2011 - 14:46 - Fotos: 

A força-tarefa instituída pela Secretaria de Estado da Educação esteve na manhã desta sexta-feira (08) na Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio Antonio Gomes, no conjunto Mário Andreaza, em Bayeux. A partir desta tarde já começa o trabalho emergencial para resolver os problemas mais urgentes detectados pela equipe na escola, como retelhamento, substituição de vasos sanitários, instalação de novo bebedouro, entre outros.

 

A ação foi instalada há 20 dias e já visitou 40 unidades de ensino em 20 municípios do Estado. “Esta é uma ação permanente que pretende ser levada às 1.036 escolas da rede estadual, com o objetivo de detectar os pontos críticos de ordem estrutural e de ordem pedagógica”, explicou o técnico da Secretaria da Educação e membro da equipe, Cláudio Toledo.

 

Os problemas emergenciais são resolvidos de imediato e os demais são planejados para serem equacionados a médio e longo prazo. No caso da Escola Antonio Gomes, além das ações já iniciadas, está sendo planejado pela Cotese (setor de engenharia da Secretaria), o projeto de cobertura da quadra de esporte, o funcionamento do laboratório de informática e uma reforma geral da escola. Foram entregues também material de expediente, livros e carteiras.

Participaram da visita as gerências executivas de Acompanhamento a Gestão Escolar (Geage), do Ensino Médio e Educação Profissional (Gemep), Educação Infantil e Ensino Fundamental (Geief), de Educação de Jovens e Adultos (Geaje), e Gerência de Administração (Gad). Os gerentes se reuniram com a direção da escola e anunciaram os programas que vão funcionar no local, como O Mais Educação, para que o estabelecimento funcione em tempo integral, e o Programa de Erradicação às Drogas (Proerd), que a Secretaria da Educação realiza em parceria com a Polícia Militar.

O diretor da escola, Ariosvaldo Figueiredo, ressaltou a importância da ação do Governo do Estado e revelou que já recebeu os parabéns da comunidade escolar, que está reconhecendo a iniciativa de melhorar as condições da instituição. A Escola Antonio Gomes funciona nos três turnos, atendendo 2.300 alunos.

A força-tarefa é formada por cinco membros e divide-se na parte executiva, de planejamento, operacional e pedagógica e pode acionar todos os setores da Secretaria de Educação para efetivação das ações. Funciona a partir de uma relação das escolas que apresentam problemas, mas também atende de imediato o chamamento da comunidade.