João Pessoa
Feed de Notícias

Detran apresenta simulador na Reunião Nacional de Carteiras de Habilitação

quinta-feira, 9 de maio de 2013 - 15:04 - Fotos:  Secom-PB

Analistas e coordenadores do Registro Nacional de Carteiras de Habilitação (Renach) de Detrans de todos os Estados, analistas do Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro) e representantes das gráficas responsáveis pela emissão das carteiras nacionais de habilitação participam, em João Pessoa, da 1ª Reunião Nacional do Renach em 2013.

O encontro foi aberto, nesta quinta-feira (9), pelo superintendente do Detran da Paraíba, Rodrigo Carvalho, e pelo coordenador nacional do Renach, Jairo Mota Castro, e acontece até esta sexta-feira (10) no salão de eventos do Atlântico Praia Hotel, na praia de Tambaú, em João Pessoa.

Durante a reunião, estão sendo discutidos procedimentos que tornem mais rápido e seguro o acesso ao banco de dados nacional dos condutores habilitados, bem como o aumento da capacidade de informações lançadas no sistema.

Rodrigo Carvalho fez um balanço dos investimentos feitos pelo Governo do Estado no Setor de Habilitação. Ele lembrou que, desde o início deste ano, os 60 Centros de Formação de Condutores em funcionamento em todo o Estado foram obrigados a implantar o sistema de biometria que permite que a frequência dos alunos seja controlada pela impressão digital, uma maneira de garantir o cumprimento da carga horária mínima de aulas teóricas e práticas, durante o processo para emissão da carteira nacional de habilitação.

O superintendente do Detran também anunciou que a Paraíba deve ser pioneira na implantação do sistema de reconhecimento facial, complementando a identificação que já é feita pelas impressões digitais dos candidatos.

Simulador de direção veicular – O Detran da Paraíba vai aproveitar a reunião para apresentar o simulador que deve ser utilizado pelos Centros de Formação de Condutores de todo o Estado, a partir de primeiro de julho deste ano. A apresentação acontece, nesta quinta-feira, às 19h, durante o evento.

Por determinação do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) e do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), os equipamentos devem ser instalados até o dia 30 de junho e serão utilizados durante a formação dos candidatos à carteira nacional de habilitação categoria “B”.

O objetivo da implantação é utilizar a tecnologia para que os candidatos tenham noções de direção veicular, antes do acesso real ao veículo que só acontece nas aulas práticas.

Utilizando os equipamentos, os futuros condutores vão passar por situações que irão permitir o domínio da máquina, como se estivessem dirigindo um veículo de verdade. A simulação na prática de direção veicular deve ser ministrada em equipamentos homologados pelo Denatran, sob a fiscalização dos órgãos executivos estaduais de trânsito e do Distrito Federal.

Serão exigidas cinco aulas de 30 minutos com conteúdo didático, como conceitos básicos de condução, marchas, aprendizado de circulação em avenidas, curvas, estradas, vias de tráfego, regras de segurança, congestionamento e em situações climáticas e de risco.

Os futuros condutores só vão poder utilizar o simulador após o cumprimento da carga relativa às aulas teóricas-técnicas e antes da realização do exame teórico. As aulas serão ministradas pelo instrutor de trânsito, o diretor de ensino, ou o diretor geral do Centro de Formação de Condutores (CFC), que deve acompanhar e supervisionar cada candidato.

Para a implantação do simulador nos CFC´s, foi necessária alterações na Resolução Contran nº 168/2004, que institui as normas e procedimentos para a formação de condutores de veículos automotores e elétricos e na Resolução do Contran nº 358/2010, que trata de procedimentos de credenciamento de instituição ou entidades públicas ou privadas voltadas ao aprendizado de candidatos e condutores.