João Pessoa
Feed de Notícias

Detentos expõem seus trabalhos no 15º Salão de Artesanato da Paraíba

quinta-feira, 29 de dezembro de 2011 - 15:45 - Fotos:  Secom-PB

O artesanato produzido por internos do sistema prisional paraibano está sendo exposto no 15º Salão de Artesanato da Paraíba. A mostra reúne peças de cerâmica, madeira, papel e tecido, que podem ser vistas nos corredores do Jangada Clube, localizado na praia do Cabo Branco, em João Pessoa.

“O artesanato tem um papel muito importante na vida dos detentos, pois, além de ser fonte de renda, mantém o vínculo com a sociedade. Eles também vão aos poucos aprendendo todo o processo de criação e produção e saem de lá com uma profissão”, destaca a gerente de Ressocialização da Secretaria de Estado da Administração Penitenciária (Seap), Ivanilda Gentle.

Entre as peças produzidas pelos internos estão: casa de boneca, porta-joias, bolsas, porta-pão, bomboniere, abajur, casas, pratos, busto boi, retrato time, cofre, fusca, flor de sabonete, vasos e barcos.

Damião Gouveia, egresso do sistema prisional, chegou ao Presídio de Patos sem saber ler nem escrever. Hoje, alfabetizado, Damião trabalha como coordenador de equipe em uma fábrica especializada na industrialização de bolas. “O sistema prisional acreditou na ressocialização e sou a prova de que dá certo. Vale a pena investir no ser humano, somos capazes de dar um resultado tão positivo quanto qualquer outro funcionário. A oportunidade passa apenas uma vez na vida e eu agarrei a minha”, disse.

O secretário de Administração Penitenciária, Harrison Targino, considera as atividades de arte e artesanato essenciais na vida dos detentos, no sentido de ajudar na ressocialização e evitar a ociosidade. “Esta exposição é uma ótima oportunidade para mostrar que há os bons trabalhos desenvolvidos nas unidades prisionais da Paraíba e estimular o interesse de novos artesãos no sistema”, valoriza Harrison.

O 15º Salão de Artesanato da Paraíba é promovido pelo Governo do Estado, por meio do Programa de Artesanato da Paraíba, e funciona diariamente, das 15h às 22h, até o dia 22 de janeiro, com entrada gratuita. O programa é vinculado à Secretaria de Estado do Turismo e do Desenvolvimento Econômico e tem coordenação geral da primeira-dama do Estado, Pâmela Bório.