João Pessoa
Feed de Notícias

Desconto no IPVA para placas finais 1 e 2 termina nesta quinta-feira

segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011 - 15:58 - Fotos: 

Os proprietários de veículos com placas finais 1 e 2 têm até esta quinta-feira (10) para o recolhimento do IPVA, em cota única  com desconto de 10%,  ou o pagamento da primeira parcela para os que optarem por dividir o imposto em 3 meses. O prazo, que vencia em 31 de janeiro, foi prorrogado em virtude de uma revisão no modelo de emissão de guias, por decisão do Departamento Estadual de Trânsito (Detran).

Na administração anterior, o serviço de impressão das guias era terceirizado. O novo superintendente, Rodrigo Carvalho, encontrou um contrato com dispensa de licitação, a fim de que uma empresa particular recebesse 80 centavos por cada guia emitida, o que representaria um gasto de cerca de R$ 68 mil por mês.

O superintendente suspendeu o contrato e determinou a adoção de medidas para que o próprio Detran passasse a emitir as guias, resultando em uma economia  de mais de R$ 816 mil por ano. Também foi autorizada a prorrogação do prazo para recolhimento do imposto, evitando qualquer prejuízo aos usuários em virtude da revisão do sistema de emissão de guias.

As guias para pagamento do IPVA podem ser emitidas através do site do Departamento Estadual de Trânsito (Detran), pelo endereço www.detran.pb.gov.br. Basta clicar em atendimento “online” e buscar a opção IPVA- cota única. Atualmente, a frota registrada na Paraíba é de 709 mil veículos. Cerca 105 mil têm placas com finais 1 e 2 e serão beneficiados pela prorrogação. Só com final 1 são 50.686 veículos e com final 2 são 54.780.  

Segundo dados do Detran, a Paraíba fechou o ano de 2010 com uma inadimplência de 34% em relação ao licenciamento de veículos. Isto significa que 241.362 veículos irregulares estão em circulação no Estado. Em João Pessoa, o índice de inadimplência é de 25%, e em Campina Grande, 28%. O município com o maior índice de inadimplência é Jericó, com 66% da frota em situação irregular.

O Detran vai intensificar as fiscalizações para tentar tirar de circulação veículos com licenciamento em atraso o que é considerado uma infração gravíssima, com 7 pontos na Carteira Nacional de Habilitação e sujeito a multa no valor de quase R$ 200 e apreensão do veículo.

No interior do Estado, as fiscalizações serão realizadas com o reforço dos policiais militares através de ações conjuntas que serão planejadas entre a direção do Detran e os comandantes dos Batalhões da PM, através da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social e Comando da Polícia Militar.