João Pessoa
Feed de Notícias

DER construirá novo contorno para dar fluência ao tráfego em Jacumã

quinta-feira, 27 de janeiro de 2011 - 11:41 - Fotos: 
O Departamento de Estradas e Rodagem (DER) vai redimensionar o contorno rodoviário que dá acesso à praia de Jacumã, na cidade do Conde. Com o crescimento do potencial turístico do Litoral Sul, o trecho é muito utilizado por visitantes que procuram desfrutar as belezas das praias da região, provocando tráfego intenso na PB-008.

O governador Ricardo Coutinho determinou ao DER o levantamento de recursos financeiros e a elaboração de projeto para dotar o contorno de maior capacidade de fluxo. “Com os recursos que esperamos economizar do projeto do Binário de Bayeux, e atendendo a essa orientação do governador, nós pretendemos construir o contorno de Jacumã para facilitar o acesso das pessoas nativas e dos turistas às praias do Sul”, disse o superintendente, Carlos Pereira de Carvalho.

Desde a construção da PB-008, o movimento de veículos de banhistas, veranistas e turistas que frequentam praias como Tabatinga, Coqueirinho e Tambaba, teve aumento extraordinário e gerou sérios transtornos para a comunidade de Jacumã, a mais tradicional área de veraneio da região. A área dispõe de apenas uma rua e fica localizada em um centro geográfico que recebe todo o volume do tráfego que se torna mais intenso nos períodos de verão, feriadões e carnaval.

“No Carnaval, os engarrafamentos triplicam e Jacumã vive uma situação de absurda. E no verão é um horror: todo mundo reclama, ninguém se entende, acontecem brigas, e já houve quase morte. Então, o governador recomendou que fizéssemos um estudo para propor uma solução. Visitamos o local e temos um projeto que é exequível, faltando apenas um detalhe para ser negociado com a Sudema, que é a travessia de um mangue que existe na área onde será construído o contorno”, explica Carlos Pereira.

Ele garante que a obra vai ser realizada de acordo com os princípios de preservação do meio ambiente para não sacrificar o equilíbrio ecológico da região. Vencida a etapa de dos questionamentos ambientais, o objetivo do Governo é iniciar a obra o mais breve possível.