João Pessoa
Feed de Notícias

Delegacia comemora 26 anos com serviços às vítimas de violência

quarta-feira, 6 de março de 2013 - 16:41 - Fotos:  Edvaldo Malaquias / Secom - PB

A Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (Deam) em João Pessoa completa nesta quarta-feira (6) 26 anos. Para comemorar a data, foram disponibilizados, das 8h ao meio-dia, serviços de vacinação, em parceria com a Secretaria de Estado da Saúde, e tratamentos de beleza do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) para as mulheres que compareceram ao prédio, situado na Avenida Dom Pedro II, Centro.

De acordo com a titular da Deam, delegada Maísa Félix, a primeira delegacia da mulher instalada na Capital, no dia 6 de março de 1987, funcionava na Avenida Beira Rio e tinha à frente a delegada Maria da Luz. “Desde então, o atendimento se aprimorou e hoje temos profissionais cada vez mais qualificados para acolher vítimas de violência. A mulher tem conhecimento de que existe uma rede voltada para acolhê-la no momento em que ela mais necessita, quando é agredida, e tem o seus direitos violados”, detalhou a autoridade policial.

A delegada geral de Polícia Civil, Ivanisa Olímpio, ainda destacou que “o atendimento é feito por mulheres policiais que conhecem como ninguém o drama dessas vítimas, seus receios e dificuldades de denunciar alguém com quem, quase sempre, mantenham uma relação íntima”.

Na Paraíba, além de ser o espaço para as mulheres vítimas de violência prestarem queixa dos agressores, a delegacia especializada funciona como um espaço de apoio e orientação psicossocial, trabalhando de maneira integrada como o Centro de Referência da Mulher Ednalva Bezerra, que tem sede na Capital e a Casa Abrigo Aryane Thaís inaugurada em 2011.

“Temos no quadro uma psicóloga e uma assistente social, mas também encaminhamos as mulheres para o Centro de Referência que oferece apoio psicológico não só para a vítima, mas também para a família dela e até, em certos casos, para o agressor, assim como orientação jurídica e de assistentes sociais. As mulheres que estão ameaçadas de morte, por sua vez, são encaminhadas para a casa abrigo que tem o endereço mantido em sigilo para a proteção das vítimas”, informou Ivanisa Olímpio.

Diariamente, a delegacia especializada de João Pessoa, que foi a terceira criada no Brasil, atende uma média de 25 mulheres, em regime de plantão, acumulando no fim de semana as ocorrências nas cidades de Santa Rita, Bayeux e Cabedelo. Em todo o Estado, existem nove Delegacias Especializadas de Atendimento à Mulher (Deam).

Confira abaixo endereço e telefone das Deam na Paraíba:

 

Delegacia da Mulher de João Pessoa (funciona 24 horas e nos finais de semana e feriados atende aos municípios de Bayeux, Santa Rita e Cabedelo:

Avenida Pedro II, nº 853, Centro, João Pessoa. Fone: (83) 3218-5317

 

Delegacia da Mulher de Cabedelo:

R. Ernesto Vital, 34, Monte Castelo. Fone: (83) 3228-3707

 

Delegacia da Mulher de Bayeux:

R. Engenheiro de Carvalho, Centro. Fone: (83) 3232-3339

 

Delegacia da Mulher de Santa Rita:

Loteamento Jardim Mauritânia S/N Fone: (83) 3289-8738

 

Delegacia da Mulher de Campina Grande:

R. Raimundo Nonato de Araújo, S/N, Catolé Fone: (83) 3310-9300/9303

 

Delegacia da Mulher de Guarabira

R. Manoel Francisco do Nascimento, nº 157, Nordeste II. Fone: (83) 3271-2986

 

Delegacia da Mulher de Patos:

Rua Bossuet Wanderley, nº 337, Centro. Fone: (83) 3423-2237

 

Delegacia da Mulher de Cajazeiras

R. Romualdo Rolim, nº 636, Centro  Fone:  (83) 3531-7022

 

Delegacia da Mulher de Sousa

R. Sardyr Fernandes de Aragão S/N, Gato Preto. Fone: (83) 3531-2948