Fale Conosco

22 de abril de 2009

Defesa Civil visita seis cidades do Sertão atingidas pelas chuvas



Por determinação do governador José Maranhão, o gerente executivo da Defesa Civil Estadual, coronel Sinval Pinheiro Borges, encontra-se no Sertão, na região polarizada por Sousa e Cajazeiras, para verificar in loco os danos causados pelas chuvas. Nesta quinta-feira (23), ele visita as cidades de Sousa, São João do Rio do Peixe, Santarém, Bernardino Batista e Poço Dantas.

O coronel Sinval chegou à cidade de Uiraúna nesta quarta-feira (22) acompanhado de técnicos do órgão para conhecer a situação em cada município, conversando com os coordenadores municipais da Defesa Civil e com os prefeitos dos municípios afetados. Em Sousa, 28 famílias estão desabrigadas por causa das chuvas dos últimos dias. No início da noite desta quarta-feira, voltou a chover em Sousa e região. O Açude São Gonçalo sangrou e dois distritos estão ilhados.

Em Sousa, na rua Maria Alves de Paula, no bairro Várzea da Cruz, doze casas foram inundadas pelas águas do Rio do Peixe, que está cheio e continua recebendo água da Lagoa do Arroz, em Cajazeiras, e da barragem Capivara, em Uiraúna. A casa de dona Geralda Alves da Silva está entre as doze atingidas pelas águas que começaram a inundar a área na segunda-feira pela manhã.

As famílias estão abrigadas em casas de parentes e na creche Celestina Catanã, no bairro Alto do Cruzeiro. Na creche, estão 21 pessoas de cinco famílias. A preocupação das comunidades é que continua chovendo muito em Sousa e região, inclusive com relâmpagos e trovões, e o nível das águas do Rio do Peixe permanece aumentando. Está chovendo em praticamente toda a Paraíba.

O gerente executivo da Defesa Civil também vai verificar a situação dos mananciais, tanto aqueles monitorados pelo Estado como os particulares, com o objetivo de alertar as populações e evitar catástrofes. Desde a semana passada a Defesa Civil estadual, por determinação do governador José Maranhão está mantendo plantão para atender os casos de emergência.

As chuvas levaram à interdição de parte da pista de dois trechos da BR-230 nas imediações do Distrito de Santa Gertrudes, próximo a Patos.