João Pessoa
Feed de Notícias

Defesa Civil Nacional garante carros pipas, cestas e pontes móveis

terça-feira, 19 de julho de 2011 - 22:13 - Fotos: 

Governador em reunião com secretário nacional da Defesa Civil no Palácio.Foto:José Marques/Secom-PB

O secretário nacional da Defesa Civil, coronel Humberto Viana, garantiu que a presidente Dilma Rousseff disponibilizou todos os serviços federais para prestar solidariedade aos desabrigados e a recuperação das cidades e vias de acesso no Estado da Paraíba. Ele anunciou a chegada nesta quarta-feira (20) de dois técnicos que farão o reconhecimento dos problemas de infraestrutura, a liberação de 150 barracas móveis, de carros pipas e de 10 mil cestas básicas para socorrer os desabrigados e desalojados.

No início da noite desta terça-feira (19), o coronel Humberto Viana foi recebido pelo governador Ricardo Coutinho e o vice-governador Rômulo Gouveia, no Palácio da Redenção, que juntos com representantes do governo repassaram um relatório da situação das 26 cidades onde foi decretado estado de emergência. “Recebi esse relatório com informações preliminares da situação do Estado e estamos repassando os decretos do Governo do Estado para que a secretaria de Defesa Nacional faça o reconhecimento no Diário Oficial. Após isso, iniciamos a liberação dos recursos de assistência e socorro da população no mais tardar no início da semana que vem”, explicou.

Em relação à situação das pessoas que estão ilhadas devido ao alagamento, o coronel Humberto Viana informou que atendendo ao pedido do Estado já solicitou ao Ministério da Defesa a disponibilização de que as pontes móveis sejam colocadas de forma imediata.  “Esse é o 23º estado que visito este ano devido às chuvas, sempre no sentido de se solidarizar e prestar apoio. O Brasil sofre muito com efeitos de água e para evitar isso é preciso investir em obras estruturadoras. Precisamos quebrar essa cultura de emergência é preciso inverter isso com prevenção”.

 

Ministério da Integração – O governador Ricardo Coutinho anunciou que estará se reunindo na manhã desta quarta-feira, às 12h, com o ministro da Integração Nacional Fernando Bezerra, para informar o quadro mais detalhado dos municípios e solicitar a agilização do apoio federal para prestar socorro às vítimas das chuvas.

O governador determinou que a partir das 7h da manhã a Defesa Civil estará fazendo a doação de cestas básicas do Estado para os desabrigados de municípios como Bayeux, Areia, Salgado de São Félix e Rio Tinto. “Quero agradecer a solidariedade do povo da Paraíba na doação de agasalhos, roupas, porque são 43 cidades atingidas pelas chuvas. Estamos à espera das cestas básicas do Governo Federal e iniciamos a distribuição do pouco que temos”, explicou.

Durante a reunião, o governador ressaltou que a prioridade no momento é abrigar e agasalhar as pessoas e, no segundo momento, abrir vias de acesso, reconstruir casas em locais seguros em parceria com o Governo Federal, que se mostra sensível a nossa causa.

Ricardo Coutinho colocou a necessidade de reconstruir quase 2 mil casas que desabaram, além das rodovias e pontes que estão deixando algumas comunidades sem acesso em Ingá, Itatuba, Itabaiana e São José dos Ramos. “É preciso abrir esses caminhos. E o governo vai locar tratores e escavadeiras para abrir as estradas até a chegada de recursos. Somente para recuperação de estradas e pontes solicitamos R$ 5,1 milhão do Governo Federal. Vamos à Brasília pedir agilidade na liberação dos recursos”, completou.

O governador disse que o Ministro do Transporte estará na Paraíba nesta quarta-feira (20) e irá junto com o vice-governador Rômulo Gouveia verificar a situação das rodovias como a BR-104 no trecho de São Sebastião de Lagoa de Roça até Lagoa Seca, a BR-101 que ficou interditada e os problemas no escoamento da água do viaduto do acesso Oeste da Capital que está afetando a barragem de Marés. Ele acrescentou que os pleitos da Paraíba serão encaminhados nesse trabalho de recuperação das estradas atingidas pelas inundações.

Também estiveram presentes ao encontro, o secretário de Recursos Hídricos, João Azevedo; o de Infraestrutura, Efraim Morais; o presidente da Cagepa, Deusdete Queiroga; a secretária de Desenvolvimento Humano, Aparecida Ramos; o da Saúde Waldson Souza; o coordenador da Defesa Civil da Paraíba, coronel Walber Rufino; e o comandante da Polícia Militar, Euller Chaves.

Quadro Atual do Estado

PESSOAS DESALOJADAS  – 13.654

PESSOAS DESABRIGADAS         – 1.241

CASAS DESTRUÍDAS – 801

CASAS DANIFICADAS – 1.250

PRÉDIOS PÚBLICOS OCUPADOS – 27

MORTOS – 1

ESTRADAS VICINAL – 2.331 Km

ESTRADAS INTERDITADAS – 6

ESTRADAS SITUAÇÃO PRECÁRIA – 5

AÇUDES DESTRUÍDOS – 31

BUEIROS DESTRUÍDOS – 72

PASSAGEM MOLHADAS DESTRUÍDAS – 13

PAVIMENTAÇÃO DESTRUÍDA  – 51.740 M²

PONTILHÃO DESTRUÍDO – 3