Fale Conosco

7 de março de 2013

Dados do mapa da violência 2013 são de 2010‏



Apesar de ser denominado Mapa da Violência 2013, o estudo do Centro Brasileiro de Estudos Latino-Americanos (Cebela), divulgado nesta quarta-feira (7), tem como base dados de 2010 que não correspondem mais à realidade da Paraíba, um dos estados que mais conseguiu reduzir o número de homicídios no Brasil no ano passado.

Comparando-se 2011, quando teve início a atual gestão, a 2012, caiu em 8,21% o número de homicídios na Paraíba, a primeira queda registrada nos últimos dez anos no estado e a maior dos últimos 12 anos. Esse número é o reflexo do trabalho integrado de policiais civis, militares e bombeiros militares, do uso dos serviços de inteligência, planejamento estratégico e de rigoroso monitoramento de dados sobre a segurança.

Paralelamente ao combate aos crimes contra a vida, a Polícia da Paraíba vem aumentando a apreensão de armas de fogo. Enquanto em 2011 foram apreendidas 2.179 armas de fogo, em 2012 foram 2.736, o que significa um aumento de 25,5%.

Com o aumento do número de apreensões, o número de mortes por armas de fogo diminuiu 14% nos últimos dois anos. Enquanto no ano passado 1.207 homicídios foram causados por disparos de armas de fogo, em 2011 foram 1.410.

Abaixo segue o número de homicídios registrados desde 2002 na Paraíba

 

CVLI

2012

1.542

2011

1.680

2010

1.563

2009

1.251

2008

1.027

2007

861

2006

824

2005

745

2004

675

2003

615

2002

607