João Pessoa
Feed de Notícias

Corpo de Bombeiros lança Operação Verão e reforça efetivo nas praias, estradas e áreas de vegetação

quarta-feira, 7 de dezembro de 2016 - 17:24 - Fotos: 

A fim de reforçar as ações preventivas aquáticas em todo o litoral paraibano, bem como evitar o aumento de incêndios no período mais quente do ano, o Corpo de Bombeiros Militar da Paraíba (CBMPB) deu início, nesta quarta-feira (7), a Operação Verão. A ação, lançada oficialmente às 9h com formatura militar no Busto de Tamandaré, na orla de Tambaú, na Capital, incrementa o efetivo de guarda-vidas e o serviço de prevenção a incêndios e acidentes de trânsito, em todo o Estado, até o período do Carnaval.

Só na parte aquática, são 144 bombeiros extras trabalhando na faixa que vai de Lucena até o limite litorâneo com o Estado de Pernambuco – na praia de Acaú. Eles têm o apoio de 10 viaturas. Conforme o comandante geral do CBMPB, coronel Jair Carneiro de Barros, com o aumento do efetivo, será redobrado o número de postos nas praias, que poderá chegar a 24 nos fins de semana e feriados.

Ele disse, ainda, que a operação tem também o objetivo de reforçar os trabalhos nas estradas e nas áreas de vegetação, já que neste período há um aumento de incêndios pelo clima seco e temperaturas elevadas.  “A conotação da Operação Verão é, sobretudo, de prevenção, principalmente no meio aquático, tendo em vista que o nosso litoral tem sido a cada ano visitado por um maior número de turistas e eles precisam dispor da nossa proteção”, ressaltou.

Ainda segundo o comandante, nesse sentido de orientação, a operação contará com a distribuição de panfletos educativos para a população em pontos estratégicos, com blitzen preventivas em entradas de praias e postos de fiscalização – a exemplo do acesso ao Seixas e do posto da Polícia Federal na PB-008. Em preparação para operação, também estão sendo realizados Cursos de Salvamento Aquático para os bombeiros que estão sendo empregados na ação. No total, são quatro turmas a serem formadas.

Investimentos - Só este ano, o Governo da Paraíba já investiu cerca de R$ 5 milhões e meio para ampliação do CBMPB e a modernização da corporação. Só de equipamentos operacionais, nas áreas de Atendimento Pré-Hospitalar, Combate a Incêndio e Salvamento Aquático, foram mais de R$ 2 milhões investidos.

Muitos desses materiais já adquiridos irão reforçar e dar subsídio aos trabalhos da Operação Verão, a exemplo de 400 uniformes de guarda-vidas, 150 nadadeiras de salvamento aquático, 18 pranchões que auxiliam o resgate de vítimas de afogamento, bem como 150 rescue tube e 30 sacos de resgate que também são utilizados para esse tipo de salvamento.

Na área de combate a incêndio, as aquisições incluem 150 conjuntos de roupas de aproximação (que protegem contra a exposição ao fogo), 35 Equipamentos de Proteção Respiratória Individual (cilindros de ar que oferecem proteção a fumaça durante um incêndio) e 300 botas de combate a incêndio (apropriadas para oferecer a segurança e a resistência ao fogo).

Para o secretário executivo de Estado da Segurança e Defesa Social (Seds), Jean Nunes, esses equipamentos são essenciais para equipamentos para dar segurança, motivação e boas condições de trabalho aos bombeiros.

“Essa ação é continuidade de várias que o Governo tem feito nos últimos dias de entrega de materiais para os braços da Segurança Pública. Semana passada viaturas foram entregues para as Polícias Civil e Militar e hoje o Corpo de Bombeiros também é contemplado com uma série de Equipamentos de Proteção Individual que vão facilitar a prestação de serviço tanto preventiva quanto ativamente”, destacou ele, durante a solenidade de lançamento da Operação Verão. Na ocasião, também houve uma entrega simbólica dos materiais adquiridos pelo Governo.

Dados – Na última edição da Operação Verão, de dezembro de 2015 a fevereiro de 2016, foram registrados 6.916 atendimentos preventivos (a exemplo de distribuição de pulseiras de identificação, advertências e informações prestadas ao público) e 32 salvamentos aquáticos. A operação envolveu uma extensão de 75 quilômetros de faixa litorânea, abarcando 44 praias, de Lucena a Acaú.

Dicas para banhistas

- Evite nadar sozinho
- Mantenha a linha da água na cintura
- Não faça brincadeiras do tipo: ‘caldos’, ‘trotes’, ‘saltos’ e simulação de afogamento
- Evite tomar banho em locais com correntes, obstáculos e nas proximidades de desembocaduras de rios
- Tenha atenção com superfícies escorregadias ou cortantes
- Reconheça suas habilidades e seus limites na água
- Ao fazer uso de embarcações ou moto aquáticas utilize obrigatoriamente o colete salva-vidas