João Pessoa
Feed de Notícias

Corpo de Bombeiros comemora 95 anos de atuação na Paraíba

sexta-feira, 8 de junho de 2012 - 09:31 - Fotos:  Secom-PB

O Corpo de Bombeiros é a instituição de maior credibilidade junto à população no Brasil e no Mundo. Na Paraíba, a corporação completa 95 anos de fundação neste sábado (9). O efetivo é de 1.350 bombeiros, incluindo 150 mulheres. Além do Comando Geral, em João Pessoa, existem unidades em Guarabira, Campina Grande, Patos, Sousa e Cajazeiras. A política no campo social é levada a sério pela instituição. Atualmente, o Corpo de Bombeiros Militar da Paraíba desenvolve seis projetos sociais: Bombeiro Mirim; Gol 10; Na melhor Idade; Cidadão; Na Escola; e Bombeiro na Comunidade.

O comandante geral do Corpo de Bombeiros Militar da Paraíba, coronel BM Jair Carneiro Barros, destaca a importância das ações sociais executadas pela corporação. Um projeto em expansão para outras unidades é o Bombeiro Mirim. Implantado desde 2010, funciona em João Pessoa e na cidade de Cajazeiras. Na capital, o trabalho atende 99 crianças carentes das comunidades Ilha do Bispo, Bairro dos Ipês e Mandacaru.

O projeto estimula a participação efetiva. As crianças são transportadas das comunidades para o Corpo de Bombeiros. Na sede do Comando Geral, a garotada tem lições de proteção contra incêndio; acidentes domésticos; primeiros socorros; trânsito; defesa civil e natação utilitária durante quatro meses. “Eles aqui têm toda essa orientação básica de primeiros socorros, de atendimento pré-hospitalar e sobretudo de cidadania”, revela o comandante Jair Carneiro.

O tenente bombeiro Oswaldo Pontes é secretário geral e supervisor de ensino do projeto Bombeiro Mirim. Ele revela que o programa é fruto de um convênio entre a Secretaria de Segurança e Defesa Social e a Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp). Os alunos recebem um manual de instruções e o fardamento do curso. As crianças têm entre nove e onze anos e chegam ao Corpo de Bombeiros por meio de parceiros que assistem comunidades com altos índices de vulnerabilidade.

No projeto Bombeiro Mirim, as crianças também recebem lanche. A carga horária é de três horas, no turno da manhã ou tarde, de acordo com o horário escolar de cada um. O manual tem linguagem simples e as ilustrações facilitam o entendimento das lições. O Corpo de Bombeiros busca parcerias na iniciativa privada para ampliar o projeto. No final do curso, as crianças recebem certificado de Bombeiro Mirim. Em 2011 foram formadas 193 crianças e este ano devem ser formadas mais duzentas. O curso tem 40 horas/aula e inclui passeios no Parque Arruda Câmara, na Estação Ciência, além de atividades de rapel. Hoje o projeto envolve 33 bombeiros.

Outrso projetos – O coronel Jair Carneiro revela que outro projeto social é o Bombeiro na Escola direcionado a alunos de escolas da rede pública estadual nas cidades onde há unidades do Corpo de Bombeiros, ou seja, João Pessoa, Cajazeiras, Patos, Guarabira, Campina Grande e Sousa. O público é formado por alunos do 9º ano. Esses estudantes se capacitam dentro do conceito de prevenção e podem ser disseminadores da prevenção de acidentes domésticos com os primeiros socorros. O projeto, desenvolvido em parceria com a Secretaria de Estado da Educação, também pode despertar interesse pela profissão de bombeiro.

O projeto Bombeiro Gol 10 assiste a crianças e adolescentes de bairros próximos ao quartel da corporação com futebol e outros desportos. Para participar, a garotada deve estar matriculada em uma escola pública e comprovar que assiste às aulas. Outra ação social é o Caminhar com Prevenção. A parceria é com Sistema Integrado de Educação Física (Sief).

Com a população, o Corpo de Bombeiros desenvolve o projeto Bombeiro na Comunidade. A palavra chave nesse programa também é a prevenção contra incêndio e acidentes domésticos. Ele é realizado em todas as unidades da corporação. “Esse projeto está sendo bem aceito pela comunidade”, revela o coronel Jair Carneiro.

Melhor Idade – O projeto social é voltado aos bombeiros militares que estão próximos de encerrarem a carreira e ingressarem na reserva, após os 30 anos de serviço. O projeto hoje assiste a 26 bombeiros. “Após 30 anos de dedicação, que ele possa ter qualidade de vida junto à família e ainda ser útil na sociedade com uma prestação de serviço”, avalia o comandante geral do Corpo de Bombeiros da Paraíba.

Aniversário – “Nos seus 95 anos de atividade o Corpo de Bombeiros da Paraíba é uma corporação que está consolidada pelas suas ações, pela prestação de serviço e que a cada dia tem o compromisso de assistir, com eficiência, aos anseios da sociedade”, destaca o comandante Jair Carneiro. Ele revelou que a corporação está integrada à sociedade com foco nas ações preventivas.

Dentro da programação dos 95 anos do Corpo de Bombeiros haverá internamente torneios de futebol de campo e de voleibol. Além de palestras nas unidades da corporação, foi instalado um estande do Corpo de Bombeiros, no Mag Shopping, em João Pessoa, onde são disponibilizadas orientações com intuito de prevenir incêndios e outros acidentes.