João Pessoa
Feed de Notícias

Cooperar coloca homem do campo no mundo virtual

segunda-feira, 29 de março de 2010 - 14:02 - Fotos: 
O Governo do Estado, por meio do Projeto Cooperar, vai colocar a internet a serviço do homem do campo. Nesta terça-feira (30) prefeitos e produtores rurais de 17 municípios irão conhecer cinco sites que vão servir como ferramenta de venda e divulgação de produtos artesanais. O evento de apresentação dos catálogos virtuais será realizado a partir das 9h, no auditório do Cooperar, localizado no quilômetro 14 da BR-230, Estrada de Cabedelo.

A entrada do homem do campo no mundo virtual faz parte de um projeto que visa aproximar os produtores dos consumidores, possibilitando a venda direta sem a interferência de atravessadores. E, com o crescimento no número de compras feitas pela internet em todo o Brasil, a expectativa do gestor do Cooperar, Plácido Pires, é de que a renda dos participantes dos cinco catálogos virtuais aumente consideravelmente.

“Este mês, a Consultoria de Comércio Eletrônico E-bit divulgou uma pesquisa onde revela que as compras feitas pela internet aumentaram em 30% no ano passado. Ou seja, mais de 17 milhões de brasileiros fizeram, pelo menos, uma compra pela internet. É justamente esse crescimento nas vendas que nós queremos proporcionar aos pequenos produtores rurais. Sem contar que, para eles, chegar ao consumidor sem precisar passar por atravessadores é um sonho antigo”, explicou Plácido Pires.

Para a concretização do projeto de catálogos virtuais, o Cooperar conta também com as parcerias do Sebrae, Programa de Artesanato Paraibano, Banco do Brasil e Banco do Nordeste.

Catálogos - O projeto dos catálogos virtuais foi dividido em cinco partes, ou seja, serão cinco sites, cada um com um produto diferente. Participarão dele a renda renascença, o labirinto, a tecelagem, os bordados, o couro e o sisal. A operacionalização dos catálogos será discutida no dia da apresentação do projeto.

Nestes sites, o visitante terá acesso a uma série de fotos de produtos de 14 associações e três cooperativas que produzem artesanato e que são beneficiários do Projeto Cooperar. Ao todo, cerca de 340 artesãos serão inseridos no mundo virtual e os consumidores poderão escolher as peças e fazer sua compra via internet.

Nice Almeida, da Assessoria de Imprensa do Cooperar