João Pessoa
Feed de Notícias

Conferência Estadual da Juventude aprova 66 propostas em João Pessoa

terça-feira, 3 de novembro de 2015 - 09:31 - Fotos:  Secom-PB

O ciclo de conferências de juventude foi encerrado na Paraíba na semana passada, dias 28 e 29 de outubro, com a realização da 3ª Conferência Estadual de Juventude em João Pessoa. Durante os dois dias, o foco principal esteve voltado para a discussão e construção de propostas para o aprimoramento e implementação de políticas públicas de juventude dentro dos 11 grupos de trabalho em consonância com os direitos fundamentais previstos no Estatuto da Juventude, além da eleição dos 23 delegados que o Estado tem direito para a etapa nacional.

Foram cerca de 500 participantes ao longo dos dois dias de conferência e 66 propostas aprovados para o âmbito estadual e nacional. O regimento interno da 3ª Conferência Estadual de Juventude reservou oito delegados para o poder público, sendo dois para a esfera estadual e seis para a municipal, além de 15 vagas para etapa nacional escolhidas entre os participantes da sociedade civil. A conferência ainda contou com uma cobertura nas redes sociais com a participação de mais de 30 colaboradores.

De acordo com a secretária executiva de Juventude, Prisicilla Gomes, o governo paraibano cumpre com sua função encerrando esse ciclo de conferências no Estado, conseguindo incluir e fazer protagonistas do processo as juventudes de todas as regiões contempladas nas etapas municipais, regionais e territoriais. “Encerramos esse ciclo que coincide com a criação da Secretaria Executiva de Juventude com a certeza de que foi possível garantir a participação e empoderamento das juventudes paraibanas culminando na etapa estadual que foi a maior já realizada”, destaca a secretária.

Segundo Jefferson Felipe, delegado eleito para a 3ª Conferência Nacional de Juventude pelo poder público municipal, a etapa estadual foi uma experiência exitosa e conseguiu garantir no debate, na discussão e até mesmo na disputa a diversidade das juventudes paraibanas juntas contruindo esse espaço. “Foram dois dias de trabalho intenso, riquíssimo, cheio de intervenções e aprendizado que vamos levar daqui em diante”, afirma Jefferson.

Já Jóyce Kaynara, delegada eleita pela sociedade civil e também representante da juventude de terreiro de Campina Grande, explica que esse é um espaço de discussão e construção fundamental para as juventudes de povos tradicionais e para todas aquelas que compõem o Estado. “Foi um espaço extremamente importante para as juventudes do Estado, ainda mais em um momento como o que vivemos, tendo em vista debates colocados como o da redução da maior idade penal e a urgência de políticas mais efetivas no enfrentamento ao genocídio da juventude negra”, destaca Jóyce.

A afirmação da diversidade, a importância da democratização dos meios de comunicação, de uma nova agenda para o meio ambiente, de uma educação pública de qualidade e que evidencie equidade, além da necessidade de qualificação, crédito e trabalho, são algumas das principais demandas e marcas da 3ª Conferência Estadual de Juventude da Paraíba e que serão defendidas por seus delegados na etapa nacional, que ocorrerá em Brasília entre os dias 16 e 19 de dezembro.