Fale Conosco

26 de dezembro de 2012

Compras de fim de ano movimentam Salão de Artesanato da Paraíba



Já nos primeiros dias de funcionamento do 17º Salão de Artesanato da Paraíba, a movimentação é intensa. Centenas de turistas e pessoenses visitaram o Salão para fazer as compras de fim de ano. Além dos presentes para crianças, artigos de decoração, bijuterias e roupas estavam entre os itens mais procurados.

Aproveitando o tema escolhido para esta edição, “O Imaginário Infantil”, muitas crianças escolheram um presente diferente. Exemplo disso é o pequeno Cristiano Svendsen, de 4 anos, que pediu um caminhão de madeira à mãe, Eleonora Ismael. “Eu encomendei a uma das artesãs um caminhão do jeito que ele queria e vim pegar aqui no Salão. Aproveitei para visitar o evento que, por sinal, está belíssimo”, afirmou a funcionária pública.

Buscar presentes com um toque regional era a ideia da maioria dos visitantes, como a analista de desenvolvimento Janaína Menegaz e o administrador de redes, Daniel Coelho. O casal saiu do Salão com várias sacolas, muitas serão enviadas para o Sul do país. “Escolhemos o Salão como nosso ‘shopping’ de fim de ano porque aqui tem muita coisa interessante e bonita. Artesanato é sempre um presente de bom gosto e como a minha família é do Rio Grande do Sul, queremos que eles conheçam um pouco da essência do Nordeste”, explicou Janaína.

Não foram apenas os compradores que saíram satisfeitos com o que viram nos estandes do Salão de Artesanato. Os artesãos comemoram as vendas, que começam a despontar. “Como trabalho com brinquedos em madeira, as crianças param para olhar e ficam encantadas. Mas nos surpreendemos mesmo com muitos adultos que compram brinquedos só para lembrar da infância. Isso é recompensador para nós, artesãos, porque podemos resgatar um pouco da criança que existe em cada uma das pessoas”, relata o artesão Antônio Felizmino de Sousa.

Ele conta que é do artesanato que mantém a família e que está satisfeito com o incentivo do Governo do Estado. “A força que recebemos do Programa de Artesanato é importante demais para termos visibilidade e reconhecimento. Hoje em dia, as pessoas sabem valorizar o nosso trabalho. Por isso, posso viver somente do artesanato. É gratificante”, comemora.

O 17º Salão de Artesanato da Paraíba está aberto até o dia 20 de janeiro de 2013, no Jangada Clube, na praia do Cabo Branco, na Capital. Os horários de funcionamento são das 15h às 22h de segunda à sexta e de 15h às 23h aos sábados e domingos. Nos dias 31 de dezembro e 1º de janeiro, o Salão estará fechado. A entrada é franca.

O evento é uma realização do Governo do Estado, por meio do Programa de Artesanato da Paraíba, coordenado pela primeira-dama Pâmela Bório. O Programa faz parte da Secretaria de Turismo e Desenvolvimento Econômico da Paraíba.