João Pessoa
Feed de Notícias

Complexos sanitários garantem melhores condições de trabalho no campo

terça-feira, 19 de março de 2013 - 08:56 - Fotos: 

Agricultores da região de Pombal, no Sertão do Estado, terão melhores condições de trabalho no campo, com a instalação de complexos sanitários. Só na zona rural da cidade, cerca de 100 famílias serão beneficiadas, com apoio do Governo da Paraíba, por meio do Projeto Cooperar. Em todo o Estado, o investimento será de R$ 3 milhões e 900 mil.

“O complexo sanitário garante ao trabalhador do campo dignidade e comodidade para o dia-a-dia na produção”, disse o gestor do Cooperar, Roberto Vital. Ele explica que esse é um dos pontos mais requisitados pelos agricultores, que perdem produtividade pela falta de infraestrutura no local de trabalho. “Um simples banheiro na área de produção muda tudo. A estrutura é tão bem aproveitada, que acaba sendo usada mesmo em períodos de estiagem”, revelou.

“Se a gente for pensar na infraestrutura quando devemos estar produzindo, o negócio desanda”, disse a presidente da associação comunitária de Prensa, Maria do Socorro da Silva Ferreira, uma das comunidades beneficiadas. “Já construímos 38 banheiros, aqui na comunidade, mas ainda faltam oito”, destacou.

De acordo com ela, o complexo sanitário melhora a produtividade do campo, tanto que já tem gente pedindo para ser beneficiado também. “Por aqui, depois que a gente começou a construir esses banheiros, só vemos agradecimento. Parece algo simples, mas para a gente significa um grande avanço”, ressalta.

A agricultora Luciana de Fátima Barros de Farias, moradora da comunidade Ingá, na região de Monteiro, no cariri, reforça a importância que os complexos sanitários têm para os trabalhadores rurais. “A nossa comunidade foi beneficiada com 17 unidades, todas estão prontas e em funcionamento. Agora, estamos lutando para construir mais, isso antes do plantio. É melhor trabalhar com infraestrutura no campo e estamos nos mobilizamos para isso”, disse.

Ao todo, o Projeto Cooperar está viabilizando aproximadamente 700 complexos sanitários em todo o Estado, nas regiões de Cuité, Cubati, Pedra Lavrada, Monteiro, São João do Tigre, Picuí, Riacho de Santo Antônio, Campina Grande, Areia, Solânea, Pombal, Aparecida, São Bentinho, São Sebastião de Lagoa de Roça, Patos, São José de Princesa, Massaranduba, Barra de Santana, Areial, Congo, Cajazeiras, São José de Lagoa Tapada, Gurinhém e Pedras de Fogo.