Fale Conosco

27 de fevereiro de 2013

Complexo Juliano Moreira reestrutura Núcleo de Atenção a Dependência Química



O Complexo Psiquiátrico Juliano Moreira, que integra a rede hospitalar do Estado, reestruturou o Núcleo de Atenção à Dependência Química, que vai funcionar no Espaço Inocêncio Poggi. A diretora geral do Complexo, Ana Tereza Medeiros, explicou que o serviço conta com quatro enfermarias, cada uma com três leitos para atender mulheres usuárias de entorpecentes. “A gente já tem essa ala para os homens e agora resolvemos reestruturar uma para as mulheres”, explicou a diretora.

Ana Tereza disse que o serviço será inaugurado no mês de março para lembrar o Dia Internacional da Mulher. “A partir de agora vamos dar uma atenção ainda maior a essas mulheres, melhorando cada vez mais o atendimento e, com isso, contribuindo para acelerar a sua recuperação”, disse.

Ana Tereza Medeiros destacou que as ações de saúde mental que vêm sendo implantadas na unidade de Saúde estão dentro da Política Nacional do Governo Federal e da Reforma Psiquiátrica que quer acabar com as internações. “Temos trabalhado para que o usuário passe o menor tempo possível dentro do hospital, como também na conscientização dos familiares, como forma de promover a reinserção dessas pessoas na sociedade e a inclusão no mercado de trabalho”.