João Pessoa
Feed de Notícias

Comitê define normas da I Bienal Internacional do Livro da Paraíba

quarta-feira, 6 de janeiro de 2010 - 19:08 - Fotos: 
O Comitê que está organizando a I Bienal Internacional do Livro da Paraíba se reuniu na terça-feira (5), na Subsecretaria de Cultura do Estado, para elaborar e discutir planos e metas que vão culminar com o maior evento do gênero na Paraíba de todos os tempos. Tudo está previsto para acontecer de 13 a 19 de setembro deste ano, na Fundação Espaço Cultural (Funesc), em João Pessoa, reunindo escritores, leitores, livreiros e distribuidoras do setor.
 
A I Bienal Internacional do Livro da Paraíba fará parte do circuito das melhores feiras de livros realizadas no Brasil em 2010 e abrigará os últimos lançamentos do mercado editorial nacional e regional.

A estimativa de público para essa 1ª edição é de aproximadamente 200 mil pessoas, que poderão desfrutar de debates, palestras, oficinas, mostras de cinema, teatro, lançamentos, tardes e noites de autógrafos, shows e outras atividades relacionadas ao estímulo da leitura.

A Secretaria de Educação e Cultura do Estado deverá trabalhar em conjunto com os demais parceiros, por exemplo, no sentido de viabilizar uma significativa participação de editoras e livrarias na Bienal, com a presença de renomados autores e uma intensa programação cultural paralela.

O subsecretário de Cultura da Paraíba, David Fernandes, presidente do comitê organizador da Bienal, destaca alguns objetivos do evento: consolidar o Estado da Paraíba no calendário dos mais importantes eventos literários do País; incentivar e fomentar o mercado editorial e livreiro da região, e oportunizar aos estudantes, pesquisadores, professores e sociedade em geral, o conhecimento e a aquisição dos mais recentes lançamentos e títulos da literatura.

 
Confira os setores e respectivas atividades da Bienal.

Café Literário – Oportunidade para o público encontrar seus autores prediletos e fazer um bate-papo descontraído.     

Arena Jovem – Espaço destinado ao público adolescente para debater, trocar experiências, idéias e interagir com personalidades de diversas áreas.

Arena Infantil – Numa área especialmente voltada para as crianças, os pequenos poderão desfrutar de um ambiente de aprendizado e entretenimento, participando de atividades lúdicas e pedagógicas como: peças de teatro, narração de história, apresentações com fantoches, oficinas criativas, cinema, shows e muito mais.

Visitação Escolar – Dá a dimensão do papel do evento no contexto educacional. Voltada para alunos do ensino fundamental e médio, a presença na feira significa para os estudantes um aprendizado especial e diferente da rotina das aulas. Já em relação às escolas, é um momento único para estimular e conscientizar suas turmas sobre a importância do livro e amplitude do universo literário. É intenção do secretário David Fernandes é agendar escolas de todas as regiões do Estado para que participem da Bienal.

Praça de Alimentação – Que dará todo suporte alimentício aos participantes.

Da Assessoria de Imprensa da Subsecretaria de Cultura