Fale Conosco

9 de fevereiro de 2015

Comissão discute incorporação do Programa de Valorização do Profissional de Atenção Básica ao Mais Médicos



Nesta terça-feira (10), às 9h, a Comissão Coordenadora Estadual dos Programas Mais Médicos e o de Valorização do Profissional da Atenção Básica (Provab) se reúne no Centro Formador de Recursos Humanos (Cefor), na capital, para tratar da incorporação do Provab ao Mais Médicos, conforme edital publicado em janeiro deste ano pelo Ministério da Saúde. A Comissão é formada por técnicos da Secretaria de Estado da Saúde (SES), apoiadores do Ministério da Saúde e MEC; tutores da UFCG (supervisora dos médicos) e Conselho das Secretarias Municipais de Saúde (Cosems).

Segundo a gerente da Atenção Básica da SES e coordenadora da comissão, Shênia Maria, a ideia do encontro é organizar um panorama, a partir do edital; intensificar as ações de educação permanente para os médicos e planejar as atividades de 2015, entre elas, o acolhimento dos profissionais que chegarão.

Atualmente, pelos dois programas, existem 408 médicos trabalhando nas Unidades de Saúde da Família (USF) de 137 municípios. Dos 152 do Provab, 45 já migraram para o Mais Médicos, que totaliza 301 profissionais.

Para este ano, 59 municípios solicitaram mais 176 médicos. De acordo com o cronograma do Ministério da Saúde, a prioridade é para os profissionais brasileiros. Serão realizadas três chamadas: a primeira, de 11 a 20 de fevereiro; a segunda, nos dias 26 e 27, de fevereiro e a terceira, no período de 23 a 27 de março. Caso permaneçam vagas, serão abertas novas inscrições, de 10 a 20 de abril, para os profissionais brasileiros formados fora do Brasil. Persistindo as vagas, serão abertas inscrições, de 5 a 15 de maio, para estrangeiros formados no exterior.

Mais Médicos – Lançado pela Presidência da República em 2013, o programa faz parte de um amplo pacto de melhoria do atendimento aos usuários do SUS, firmado com estados e municípios, com objetivo de acelerar os investimentos em infraestrutura nos hospitais e unidades de saúde e ampliar o número de médicos nas regiões carentes do país.

Provab – O Programa de Valorização do Profissional da Atenção Básica é uma iniciativa de aperfeiçoamento de médicos na Atenção Básica e provimento de profissionais nas regiões mais carentes, como no interior dos estados e nas periferias dos grandes centros. O Provab prevê atuação de profissionais de saúde durante 12 meses em diversos postos de atuação pelo país, supervisionados por uma instituição de ensino, sendo obrigatória a participação em curso de especialização em Atenção Básica provido pela Rede UNA-SUS. Semanalmente o profissional terá 32 horas de atividades práticas nas Unidades de Saúde e oito horas no curso de especialização.