Fale Conosco

27 de fevereiro de 2014

Começam preparativos para RoboCup 2014 que acontece em julho na Paraíba



A RoboCup Federation divulgará em meados de março as delegações selecionadas de 50 países para a RoboCup 2014, a Copa Mundial de Robótica, que será realizada no Centro de Convenções de João Pessoa “Poeta Ronaldo Cunha Lima” no período de 19 a 25 de julho. O credenciamento da imprensa começa a ser feito também em março, por meio de endereço eletrônico que será divulgado pelos organizadores. A competição internacional terá a participação de 600 equipes totalizando quatro mil participantes.

A coordenação da RoboCup 2014, maior evento mundial de robótica e inteligência artificial, destaca que o plano de segurança já foi firmado em João Pessoa entre o presidente da RoboCup Federation, Daniele Nardi, e o Comando da Polícia Militar da Paraíba. Nos próximos dias, serão firmadas as parcerias necessárias para o transporte e receptivo do evento. Um vídeo sobre a RoboCup está sendo produzido para divulgação no mundo todo. No link http://www.flickr.com/photos/robocup2013/ estão disponíveis imagens que podem ilustrar matérias. Os coordenadores brasileiros do evento estarão à disposição para entrevistas a partir de março.

O secretário de Estado dos Recursos Hídricos, Meio Ambiente, Ciência e Tecnologia, João Azevedo, destaca que o Governo do Estado é um importante parceiro no evento com a disponibilidade do Centro de Convenções de João Pessoa, o plano de segurança para os participantes e os cerca de 60 mil pessoas que irão visitar a RoboCup nos seus sete dias de realização, dentre outras logísticas. “Nós tivemos um treinamento preliminar com a realização aqui de dois eventos internacionais que foram as edições da Brasil-Canadá 3.0 em 2012 e no ano passado e agora em julho seremos sede mundial da RoboCup”.

João Azevedo acrescenta que o evento traz oportunidade única para professores das redes públicas estadual e municipal na modalidade RoboCup Educação. “O governador Ricardo Coutinho tem uma visão muito clara da robótica. Quando foi prefeito da capital implantou laboratórios nas escolas e agora no estado várias escolas já contam com laboratórios de robótica”, destaca.

O Termo de Recebimento da RoboCup 2014 foi assinado pelo governador Ricardo Coutinho e o presidente da RoboCup Federation, Daniele Nardi, no dia 18 de outubro do ano passado, em encontro na Granja Santana. Esta é a primeira vez que o Brasil sedia o evento, que já passou por 14 países, desde 1997, quando foi realizada a primeira edição na cidade de Nagoya, Japão. Depois do Japão a Copa Mundial de Robótica ja passou pelos seguintes países: França, Suécia, Austrália, Estados Unidos, Itália, Portugal, Alemanha, China, Áustria, Singapura, Turquia, México e Holanda. Agora será a vez do Brasil, primeira edição na América Latina.

A capital paraibana foi anunciada como sede da RoboCup em julho do ano passado, após concorrer com Fortaleza e com cidades asiáticas, além de cidades do Canadá. O evento reúne ciência, tecnologia, educação e divulgação científica. É uma competição internacional da área de robótica, muito conhecida pela plataforma de futebol de robôs, mas tem uma série de outras categorias. Pesquisadores do mundo inteiro desenvolvem novas técnicas, novos robôs para atender esses desafios propostos pela RoboCup.

No Brasil os coordenadores da RoboCup são o professor de Robótica da Universidade Estadual Paulista (Unesp), Alexandre da Silva Simões; a professora Esther Luna Colombri, também da Unesp) e Flavio Tonidandel.

A Copa do Mundo de Robótica também tem a supervisão de 60 pesquisadores da Sociedade Brasileira de Automática (SBA) e da Sociedade Brasileira de Computação (SBC). O evento tem apoio do Ministério do Esporte, Governo do Estado da Paraíba, Prefeitura de João Pessoa e Convention Bureau.

Inscrições para voluntários – Desde o início de fevereiro estão abertas as inscrições para as pessoas que quiserem trabalhar como voluntários durante a RoboCup 2014. Qualquer pessoa pode se inscrever na chamada internacional e se candidatar para ajudar na organização do evento, um dos maiores de tecnologia do planeta. O formulário de inscrição pode ser preenchido através do link http://migre.me/hOvwT.

Áreas de competição – São quatro as áreas de competição: RoboCup Soccer, RoboCup Rescue, RoboCup Home e RoboCup Júnior. A RoboCup é a mais conhecida do evento, da qual participam pesquisadores e cientistas especializados no desenvolvimento robôs móveis autônomos, em tamanhos de criança e adultos. Durante as partidas de futebol, não há interferência humana no comando dos robôs, todos funcionam com sistemas de Inteligência Artificial.

Já a RoboCup Rescue é uma liga formada por pesquisadores e cientistas que desenvolvem robôs inteligentes que atuam em situações de desastres e resgate, tais como terremotos, furacões e outras catástrofes. Enquanto na RoboCup Home, os pesquisadores e cientistas desenvolvem robôs capazes de auxiliar os seres humanos nas tarefas domésticas, sem qualquer controle externo. As competições são disputadas em uma casa construída em tamanho real, com todos os ambientes.

Nos sete dias do grande encontro internacional da comunidade científica no campo da robótica e da inteligência artificial acontecerão debates, palestras, seminários e demonstrações que reunirão estudantes, pesquisadores e cientistas em discussões de alto nível no campo do conhecimento tecnológico.

Segurança – Na visita que fez às obras do Centro de Convenções, Daniele Nardi e a equipe receberam da Polícia Militar o plano de segurança elaborado para garantir a tranquilidade dos 4 mil participantes e cerca de 60 mil visitantes previstos na RoboCup 2014, que será realizada de 19 a 25 de julho. Todas as unidades de segurança da região metropolitana estarão envolvidas neste plano, a exemplo da Rotam, Ceatur, Batalhão Ambiental, Batalhão de Trânsito, 5º BPM, além do Corpo de Bombeiros, destacou o oficial.

A RoboCup2014 deverá atrair mais de 60 mil visitantes, incluindo turistas de várias partes do mundo, que virão ao Brasil para a Copa Mundial de Futebol. Os participantes, em torno de 4 mil pessoas, incluem os pais das 1.500 crianças e adolescentes que competirão utilizando 2.000 robôs inteligentes. A competição internacional terá 600 equipes de 50 países de todos os continentes.

O projeto é organizado pelos mais importantes centros de pesquisa e desenvolvimento de robôs móveis autônomos e inteligência artificial, a exemplo da Sociedade Brasileira de Computação (SBC), Universidade Estadual Paulista (Unesp), UFPB, UFCG, dentre outros.

A RoboCup 2014, em parceria com o Governo federal e Governo da Paraíba, vai promover a capacitação de professores da rede pública brasileira em larga escala, utilizando a robótica educacional. Pesquisadores e professores brasileiros vão compartilhar metodologias, experiências e materiais didáticos capazes de levar um pouco do conhecimento da robótica a escolas de todo o Brasil.