João Pessoa
Feed de Notícias

Começa construção da Central de Aulas da UEPB

sexta-feira, 18 de dezembro de 2009 - 16:34 - Fotos: 
Começou esta semana a construção do bloco da Central de Aulas da Universidade Estadual da Paraíba, no campus de Bodocongó, em Campina Grande. Configurando-se como mais um marco do processo de desenvolvimento e expansão da UEPB, o projeto visa abrigar a nova sede do Centro de Educação (Ceduc).

O valor estimado para a execução dos serviços é de R$ 19.092.160,00 e a estrutura do prédio deverá comportar 200 salas de aulas e um Centro de Vivência, sendo que todo o empreendimento acontece graças a recursos próprios. As obras têm a previsão de 24 meses para serem concluídas. A reitora da UEPB, professora Marlene Alves, almeja que este tempo seja reduzido em até 50%, para que a Central seja entregue já em 2010.

Marlene destacou que o sonho da edificação da Central de Aulas existe desde o início de sua gestão. "Com grande alegria começamos este projeto, que era uma de nossas metas máximas tendo em vista a necessidade do Ceduc e sua divisão em dois espaços distintos", explicou.

A reitora acrescentou que a Central funcionará como um instrumento eficaz para favorecer as atividades em conjunto e para a integração da Instituição, fortalecendo igualmente o campus de Bodocongó. "Para melhor construir e planejar a UEPB como um todo, nosso desejo é que todas as áreas do conhecimento estejam unidas. Esta é Universidade que queremos, unificada, ativa, harmônica”, destacou.
 
O diretor do Ceduc, professor Alberto Edvanildo Sobreira, disse que a Central proporcionará mais agilidade a todos os trabalhos. Satisfeito, ele contou que a nova infraestrutura influirá positivamente para um maior êxito do ensino, pesquisa e extensão contribuindo também para aprimorar as relações acadêmicas. "Para abrigar o Ceduc, que atualmente possui os números estimados de três mil alunos, 150 professores, 30 funcionários, quatro departamentos, um mestrado, cinco cursos de graduação, vários núcleos de pesquisa e especializações, precisávamos muito de um arcabouço que pudesse congregar tudo isso", enfatizou.

Avanço – O Diretório Central dos Estudantes (DCE), por meio de um dos seus coordenadores, Adriano Ferreira Costa, disse que a transferência do Ceduc para Bodocongó representa um grande avanço para UEPB e benesses inúmeras para os alunos. "O CEDUC é uma referência em todo o Nordeste e estamos muito felizes pela execução do projeto que possibilitará ainda a integração das licenciaturas", revelou.

Para ele, que é estudante do curso de Geografia há quatro anos, era de extrema importância a consolidação de uma estrutura que recebesse adequadamente o Centro e acompanhasse a sua evolução. "Este ano, por exemplo, o CEDUC foi agraciado com o Laboratório Multimídia de Geografia, considerado um dos melhores da região", acrescentou.

Fruto de uma parceria celebrada entre a UEPB e a Eletrobrás, o Laboratório alia tecnologia de ponta ao Ensino, Pesquisa e Extensão. "O aprimoramento das instalações se coaduna, deste modo, com o desejo constante de progresso, alimentado por todos aqueles que compõem o CEDUC", ressaltou.

Da Assessoria de Imprensa da UEPB