João Pessoa
Feed de Notícias

Clínica de Odontologia da UEPB realiza mais de 150 atendimentos mensais

terça-feira, 23 de fevereiro de 2010 - 20:18 - Fotos: 

Com uma média de 150 serviços mensais oferecidos a comunidade e atendendo a 15 novos casos por dia, a Clínica de Odontologia da Universidade Estadual da Paraíba, instalada no Campus de Bodocongó, em Campina Grande, vem prestando relevantes serviços à comunidade e aos próprios alunos do curso de Odontologia, que encontram neste espaço uma excelente oportunidade de praticar os conhecimentos teóricos advindos da sala de aula.

Atualmente, quase 400 alunos estão matriculados no curso de graduação, sendo 138 deles vinculados a projetos de Extensão e atuando em atendimento clínico. Hoje, o setor conta com a supervisão e orientação de um total de 40 docentes, capacitados em suas especialidades.
Para se ter uma idéia do número de pessoas atendidas, de janeiro até setembro de 2009 (quando foi feita a última contagem), foram registrados cerca de 10.900 procedimentos dentários, em mais de nove mil pacientes. Segundo a professora Denise Nóbrega Diniz, coordenadora da Clínica Escola de Odontologia, a UEPB atende não apenas aos residentes em Campina Grande, mas também aos moradores de cidades circunvizinhas, do Sertão e Cariri paraibanos e até de outros estados.

Os atendimentos prestados incluem restaurações, serviços de endodontia (tratamento de canal), periodontia (raspagem), cirurgia, ortodontia, dentística e prótese, sendo este um dos mais procurados. Além disso, são realizados atendimentos em odontopediatria, voltado para crianças, e radiologia, reconhecido como um setor de referência na Rainha da Borborema.
Como resultado de tamanha oferta de serviços, as quatro Clínicas Escola da UEPB estão em constante funcionamento, nos períodos da manhã e tarde, com mais de 300 pessoas aguardando na lista de espera. “O cadastramento de novos pacientes será feito em junho deste ano, quando poderemos abrir novas vagas”, afirmou a professora Carmem Lucia Soares Gomes de Medeiros, chefe adjunta do Departamento.

Atendimento infantil

Com o objetivo de prestar uma Odontologia preventiva, a Clínica de Odonto dedica atenção especial aos seus pacientes mirins, para que tenham dentes saudáveis desde cedo.
Todos os dias, antes do atendimento às crianças, os alunos extensionistas, acompanhados pelos professores, fazem uma orientação aos pais e responsáveis pelas crianças, acerca da importância da higiene bucal, do uso do fio dental e da escovação correta. O projeto foi intitulado Sala de Espera Saudável e tem realizado conscientizações a inúmeras pessoas desde 2005.

“Não adianta fazermos um trabalho isolado, através do tratamento do dente doente, se em casa as crianças não terão um acompanhamento melhor, com a cooperação dos pais na rotina de higiene bucal”, ressaltou uma das assistentes clínicas, Ana Luzia Araújo Batista.
Projetos como “Amigos do Sorriso”, “ABC do Sorriso”, “Sorrindo Saúde” e “Doutores do Sorriso”, também são realizados pelos graduandos e voltados aos pequenos, para que aprendam, já na infância, práticas de educação em saúde bucal.

Com vistas a beneficiar aqueles que mais necessitam, o projeto Doutores do Sorriso tem sido convidado, com freqüência, a participar de das ações do Laboratório Itinerante, visitando hospitais, escolas, creches, municípios paraibanos e qualquer outro lugar que o convide para dar aulas sobre higiene bucal.

Os pais dos pacientes infantis que sofrem algum tipo de necessidade especial e requerem cuidados diferenciados, também encontram na Clínica Escola o lugar ideal para o atendimento de seus filhos. O projeto “Saúde bucal para bebês e crianças com necessidades especiais: ofertas de serviços e perspectivas no SUS” vem sendo desenvolvido com êxito, desde 2005.

Atuação efetiva

O trabalho da Clínica de Odontologia da UEPB é focado, especialmente, no bem estar da população atendida e na perfeição do tratamento efetuado. Atualmente, os profissionais envolvidos dedicam uma atenção distinta à Odontologia preventiva, para evitar que os pacientes recorram à extração de dentes que ainda podem ser recuperados.

“Infelizmente, essa prática ainda é um hábito para algumas pessoas, que ao sentirem qualquer incômodo, já pedem para que o dente seja retirado. Aqui, na Clínica Escola, tentamos mudar esse conceito e fazer uma conscientização sobre a recuperação do dente e do tratamento correto”, explica a professora Carmem Lucia.

Ana Luzia ressaltou que o curso de Odontologia da UEPB evolui progressivamente e que a conseqüência direta desse processo são atendimentos cada vez melhores. “A faculdade está se tornando um centro de referência, melhorando seu quadro de professores, servidores e alimentando a expectativa de ampliar ainda mais os serviços prestados, aprimorando a qualidade no atendimento”, enfatizou.

Em 2009, a Universidade Estadual da Paraíba inaugurou seu primeiro Mestrado em Odontologia e hoje conta com mais de 50% de doutores em seu quadro de professores. Aliada aos serviços tradicionais já prestados, figura também a Clínica da Dor Orofacial, que busca tratar Disfunções Têmporo-Mandibular (DTM), e a Liga Interdisciplinar de Combate ao Câncer Oral (LINCCO), criada em 2005.

“Quando as pessoas se queixam de dor de cabeça, de ouvido ou nas mandíbulas, encaminhamos para a Clínica da Dor Orofacial, porque pode ser problema de oclusão. Já quando é detectada alguma lesão oral nos pacientes, eles acabam sendo encaminhados a LINCCO, para que os professores avaliem os tipos de lesões e aprofundem o tratamento, evitando algo mais grave”, informou Denise Diniz.

Outras informações sobre os serviços prestados pela Clínica de Odontologia da UEPB: (83) 3315-3331 ou 3315-3471.

Ascom/UEPB