Fale Conosco

29 de julho de 2016

Chuvas de julho ficam abaixo da média histórica no Estado, segundo Aesa



A Gerência de Monitoramento e Hidrometria (Gemoh) da Agência Executiva de Gestão das Águas no Estado da Paraíba (Aesa) informou que choveu pouco neste mês de julho em todo o Estado. Mesmo na região do Litoral, as chuvas ficaram abaixo da média histórica neste período em que tradicionalmente chove bastante.

“Em julho, choveu pouco em todo o estado. O período chuvoso do litoral é de abril a julho, chovendo mais em junho e julho. Mesmo assim, a média histórica de pluviometria ficou abaixo da média nesta região”, afirmou a meteorologista da Aesa, Marle Bandeira.

Chuvas acumuladas do mês – De 1º a 29 de julho, as cidades paraibanas com maior índice pluviométrico foram Alhandra, com 68,5mm; seguida de Cabedelo (52,1mm) e Conde (50,3mm). Em João Pessoa, choveu 43,5mm. Os menores índices de chuva acumulada pertencem aos municípios de Alagoinha (11,8mm); Juarez Távora (10,2mm) e São José dos Ramos (10,2mm).

Fim de semana – A previsão para este fim de semana para as regiões do Agreste, Brejo e Litoral é de nebulosidade variável, com chuvas esparsas; e apenas variação de nuvens no Alto Sertão, Sertão e Cariri/Curimataú. Em todo o estádio, a amplitude térmica variará de 16ºC a 32ºC. Em cada região, os termômetros variam entre 19º e 32º no Sertão e Alto Sertão; entre 16º e 30º no Cariri/Curimataú; entre 17º e 28º no Agreste; entre 16º e 27º no Brejo; e 20º e       29º no Litoral.