Fale Conosco

30 de novembro de 2010

Centro de Arte e Cultura da UEPB expõe mostra “Meu nome não é AIDS”



O Centro de Arte e Cultura da Universidade Estadual da Paraíba abriga desde esta terça-feira (30), a exposição fotográfica "Meu Nome Não é Aids", de Olivier Boels. A iniciativa, aberta ao público, é da Rede de Pessoas com Aids de Campina Grande (RNP+CG) e integra a semana em que se comemora o dia mundial de luta contra essa enfermidade. A mostra encerra 32 fotografias e retrata o cotidiano de pessoas comuns, portadoras do vírus. O objetivo é destacar que viver com Aids é possível, além de ajudar a diminuir o preconceito e a discriminação em relação às pessoas que vivem e convivem com a doença.

Para Olivier Boels, a produção das fotografias foi uma oportunidade de adentrar no panorama diário vivenciado por essas pessoas. Boels é especialista em fotografia cultural e social, com incursões em fotojornalismo, além de detentor de um prestigiado prêmio internacional, o World Press Photo (2000). Entre os prêmios em âmbito nacional, ganhou o 1° Foto Arte 2004 na categoria Política e Social e o Pierre Verger 2002, com a antropóloga Lena Tosta.

Idealizada pelo Departamento de DST/AIDS e Hepatites Virais do Ministério da Saúde, a exposição está percorrendo cidades brasileiras com o apoio de Organizações Não Governamentais (ONGs). Em Campina Grande, as telas ficarão expostas até o dia oito de dezembro, das 8 às 12h e das 14 às 22h. O Centro de Arte e Cultura é situado no Parque Evaldo Cruz, ao lado do Terminal de Integração de Campina Grande.

Boels trabalhou no Jornal de Brasília e tem publicações em revistas como Lonely Planet Magazine (espanha) Caros Amigos, FS Revista da Imagem, Marie Claire (Brasil), Caminhos da Terra, Horizonte Geográfico, entre outras.

No Canadá, Olivier tem publicações no jornal L’Express, na revista Outpost e no livro Carte Blanche. Entre as organizações para as quais já prestou serviço estão Movimento Interestestadual das Quebradeiras de Coco Babaçu (MIQCB), UNESCO, Greenpeace, SEBRAE, Ministério da Saúde (dep.AIDS) e o Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome. Há dez anos desenvolve projetos autorais na parceria denominada Etnofoco, com a antropóloga Lena Costa.

Outras informações sobre a exposição fotográfica “Meu nome não é Aids” podem ser adquiridas através dos telefones (89) 3321 – 8731 e 9118 – 1883 ou (83) 3321 – 8731 , 8750 – 7099 e 8804 – 7117.

Ascom/UEPB