Fale Conosco

12 de dezembro de 2011

Cendac amplia parceria e leva ‘Jovem Aprendiz’ a 20 cidades do Estado



O Centro de Apoio à Criança e ao Adolescente (Cendac), com apoio do Governo do Estado da Paraíba, e em parceria com o Banco do Brasil, vai expandir o projeto “Jovem Aprendiz” para mais cidades em 2012. Serão beneficiados 36 jovens de 20 cidades paraibanas – antes, eram apenas três municípios.

A presidente do Cendac, Valquíria Alencar, e a coordenadora do programa “Jovem Aprendiz” no Cendac, Ivana Diva, percorreram as cidades buscando firmar essa parceria para 2012. Em cada cidade visitada, foi selecionada uma escola estadual, de onde será escolhido o aluno ou aluna para participar do projeto.

As cidades beneficiadas são João Pessoa, Santa Rita, Itabaiana, Mamanguape, Rio Tinto, Bananeiras, Solânea, Tacima, Araruna, Cajazeiras, São José de piranhas, São João do Rio do Peixe, Uiraúna, Sousa, Pombal, Catolé do Rocha, Santa Luzia, Monteiro, Sumé e Serra Branca.

O programa tem o objetivo de proporcionar a oportunidade do primeiro emprego aos jovens.

Os participantes, todos eles estudantes da rede pública, são contratados por meio do Cendac que está conveniado ao Banco do Brasil. Os adolescentes devem ter de 15 anos a 15 anos e 10 meses, e cursar, no mínimo, o 8º ano do ensino fundamental, com bom aproveitamento e freqüência regular na escola, renda familiar de meio salário mínimo ou ter Bolsa Família.

Em contrapartida, o Banco do Brasil, proporciona ao “Jovem Aprendiz” um salário mínimo mensal, vale-transporte e vale alimentação, 13º salário e férias coincidentes com o recesso escolar, seguro-saúde, além de curso de orientação profissional e material autoinstrucional preparatório para a Seleção Externa BB.

Valquíria Alencar ressaltou a importância do programa Jovem Aprendiz: “Será uma oportunidade única na vida desses jovens carentes que estão na linha de extrema pobreza”.

Atualmente, 11 adolescentes já estão em atividade nas cidades de Santa Rita, Mamanguape e João Pessoa.