Fale Conosco

29 de maio de 2009

Cedmex informatiza entrega de medicamentos a partir de julho



O processo de programação, aquisição, distribuição e dispensação dos medicamentos excepcionais será totalmente informatizado com a implantação, a partir de 1º de julho, do Sistema Informatizado de Dispensação de Medicamentos Excepcionais (Sismedex). O assunto foi discutido, nesta sexta-feira (29), durante da I Jornada dos Núcleos de Dispensação de Medicamentos Excepcionais, na Capital.

A coordenadora do Centro Especializado de Dispensação de Medicamentos Excepcionais (Cedmex), Roberlandia Soares Freire, disse que o software é do Ministério da Saúde e está sendo aplicado em todo o País, possibilitando a padronização de procedimentos, menor tempo de atendimento na dispensação, registro em tempo real dos medicamentos e emissão automática da Autorização de Procedimento de Alta Complexidade (Apac). “É uma ferramenta capaz de aperfeiçoar o gerenciamento do programa, dando mais qualidade e eficiência na prestação de serviço à população”, destacou.

Roberlandia Soares Freire revelou que o sistema será inicialmente implantado na sede do Cedmex, na Capital, e que pretende expandi-lo para os demais núcleos do programa até o final deste ano. “Vamos uniformizar a dispensação dos medicamentos, melhorando o controle de estoque e a dispensação nas 12 unidades farmacêuticas do programa de medicamentos do Governo do Estado”, completa.

Segundo a diretora do Cedmex, atualmente são beneficiados com a entrega gratuita de medicamentos de alto custo e de uso contínuo 38,8 mil pacientes, em todo o Estado. Os medicamentos de dispensação excepcional são, geralmente, de uso contínuo e de alto custo. São usados no tratamento de doenças crônicas e raras, e dispensados em farmácias específicas para este fim.

A jornada dos núcleos foi realizada durante todo o dia, no Hotel Ambassador, no Cabo Branco, na Capital. Temas como humanização e acolhimento no atendimento dos pacientes foram discutidos no evento promovido pela SES.

Da Assessoria de Comunicação da SES