João Pessoa
Feed de Notícias

Carnaval no Hotel Brejo das Freiras supera expectativas

sexta-feira, 19 de fevereiro de 2010 - 12:24 - Fotos: 

O Carnaval no Hotel Brejo das Freiras, administrado pelo Governo do Estado através de PBTUR (Empresa Paraibana de Turismo), foi um sucesso. Segundo Francisca Pereira Gomes, que atua na área de recepção do equipamento, os hóspedes fizeram muitos elogios às novas instalações do hotel e aos festejos carnavalescos que aconteceram apenas no domingo de Carnaval.

Durante o período momesco, o hotel ficou lotado de turistas de várias cidades do Brasil, a exemplo de Natal (RN), São Paulo (SP), Fortaleza (CE), Teresina (PI), além de cidades vizinhas como Cajazeiras, Patos, Sousa e até João Pessoa. Muitos visitantes passaram o dia na área de lazer do Hotel.

Quem escolheu o Hotel Brejo das Freiras, que fica localizado no município de São João do Rio do Peixe, no Sertão paraibano – a 482 km de João Pessoa, para passar o carnaval pode desfrutar de duas fontes, sendo uma de águas termais e outra de águas magnesianas, que os hóspedes tomam para auxiliar nos tratamento dos problemas de estômago, de dois balneários, sendo um para os hospedes e outro para os visitantes.
 
Francisca Pereira afirmou que o resultado do pacote de Carnaval foi tão bom que só na quarta-feira de cinzas vendeu 10 pacotes para a Semana Santa. “Os pacotes aqui estão de vento em polpa. As pessoas que vieram passar o Carnaval no Brejo das Freiras já reservaram pacotes para a Semana Santa e São João”, disse a executiva.

O hotel tem capacidade para 150 pessoas e até o momento já foram reservados 20 apartamentos, dos 45 disponíveis, para a Semana Santa.  Os pacotes para esse período custam R$ 594,00 para o apartamento duplo, R$ 759,00 o triplo,  R$ 939,00 o apartamento para quatro pessoas e  R$ 1.089,00  para cinco pessoas. O pacote começa com o jantar na quinta-feira Santa (02 de abril) e termina com o almoço no domingo de Páscoa (04).

Segundo o presidente da PBTUR, Rodrigo Freire, esse resultado reflete o cuidado e o zelo que o Governo do Estado está tendo o patrimônio público. “O hotel passou por uma reforma recentemente, custeada com recursos próprios, o que possibilitou uma ótima recepção aos turistas. Sem essa reforma o hotel não teria tido condições de receber tantas pessoas”, destacou Freire.

Fábio Cardoso, da Assessoria de Imprensa da PBTUR